Casa

Ganhe mais tempo organizando a sua cozinha Categorizar alimentos e objetos é fundamental para deixar
a cozinha bem organizada e funcional

Marinella Souza
*Colaboração
05/01/2008

Nos dias de hoje, tempo é uma variável muito importante e cada vez se torna mais escasso no dia-a-dia das pessoas. Para otimizar esse tempo quando está lidando na cozinha, a equipe do portal ACESSA.com foi atrás de algumas dicas para organizar esse espaço, que normalmente, é o mais freqüentado da casa.

Especialista em comportamento humano há mais de 20 anos, a médica Maria Iris Lo-Buono Souza Lima explica que um espaço organizado gera melhor qualidade de vida e economia de tempo.

"Oitenta por cento da bagunça de uma casa está na desorganização. Não adianta você manter tudo arrumado se continuar desorganizado". O ideal é que os objetos e os alimentos estejam dispostos de maneira a facilitar a vida da pessoa que vai utilizar a cozinha, garantindo que ela faça tudo o que tem que fazer no tempo hábil.

Segundo Maria Iris, há uma grande diferença entre arrumar e organizar, e a cozinha deve ser organizada para ser funcional. "Arrumar é tornar bonito, agradável, é um ato subjetivo. Organizar é outra coisa, é deixar o espaço funcional, prático, lógico. É uma solução individual", explica.

Como começar

A organização de um espaço passa por algumas etapas. "Os princípios básicos da organização são: planejamento, descarte, limpeza, categorização, identificação, manutenção e revisão. Se você realizar todas essas etapas, conseguirá encontrar o que precisa em três minutos".

O primeiro passo é olhar para a cozinha com todos os seus utensílios com calma, como se fosse um quebra-cabeça, assim, dá para reconhecer o que pode ser utilizado e o que pode ser liberado. Feito isso, é hora de limpar o ambiente. Jogar fora tudo o que não é utilizado, que está velho ou estragado.

"Esse pode ser o momento mais difícil da organização para algumas pessoas. É que, às vezes, uma xícara lascada tem um enorme valor sentimental porque foi uma pessoa muito querida quem deu etc", revela Maria Íris. Mas para isso ela também tem uma solução que vai eternizar o objeto sem ocupar espaço.

foto pratos empilhados foto panelas empilhadas foto gaveta com tampas de vasilhas separadas

"Uma coisa que eu costumo ensinar para quem faz o curso comigo é fotografar o objeto, contar um pouco da história dele. Isso é muito bom, é um carinho consigo mesmo. Se não tiver jeito e a pessoa não quiser mesmo se desfazer, tem como criar um cantinho na organização com essas 'âncoras positivas', desde que seja um espaço separado daquele do dia-a-dia", ensina.

A regra básica para todo e qualquer tipo de organização espacial é semelhante atrai semelhante, ou seja, nada de misturar louça com metal. "Isso confunde o cérebro, a categorização é importante porque gera similaridade com o processo cerebral", explica a médica.

A arte de empilhar objetos

Engana-se quem pensa que uma cozinha organizada é aquela em que não se empilha nada. Na maioria das vezes, a quantidade de objetos é maior do que o espaço disponível para armazaná-los e a única solução é colocá-los uns sobre os outros.

Maria Íris ensina que existe uma maneira adequada de empilhar xícaras e panelas sem comprometer a organização. "Colocar uma xícara com a boca para cima sobre um pires e outro pires sobre essa xícara e assim por diante, facilita a organização do armário. Mas deve-se lembrar que a xícara de cima tem que estar com a boca voltada para baixo e que são, no máximo, duas xícaras empilhadas".

Para empilhar as panelas também é muito fácil, é só colocar uma panela maior com a tampa voltada para dentro e outra menor, tampada normalmente. Para as frigideiras, por exemplo, é só colocá-las uma dentro da outra, sempre da maior para a menor.

foto xícaras empilhadas foto talheres organizados foto talheres organizados

Maria Íris ensina que o ideal é separar as tampas das vasilhas para facilitar a visualização. Para isso, basta acrescentar um porta-bandejas ou porta-tampas ao armário. Se não houver espaço, a alternativa é colocar prateleiras extras removíveis. "Elas são fáceis de encontrar e ajudam muito na organização".

Uma coisa que deve-se ter sempre em mente é que tudo o que for utilizado com menos freqüência deve ser guardado no fundo dos armários, deixando à vista aquilo que é mais usado.

"Os talheres e louças do dia-a-dia devem estar sempre à mão, de preferência, próximos ao local onde são feitas as refeições para facilitar o manuseio", explica a especialista.

Para garantir a funcionalidade e a praticidade da organização, os eletrodomésticos e suas peças têm que ficar sempre juntos. "Se você colocar cada coisa em um lugar, vai acabar perdendo um tempo desnecessário", justifica a médica.

Organizando a despensa

A dica é utilizar cestos coloridos para organizar a despensa. "Separar cada tipo de material por cor pode ser uma boa opção. Por exemplo: material de limpeza nos cestos azuis, alimentos de pó nos verdes etc", sugere Maria Íris.

O ideal é que os alimentos não sejam retirados da embalagem original para evitar qualquer contaminação e garantir que sejam utilizados no prazo de validade adequado. Para não deixar os saquinhos abertos, basta fechá-los com prendedores para pacotes.

Mas se não tiver jeito, que sejam utilizados potes quadrados para facilitar a empilhagem. Além disso, os potes devem ser transparentes para que se possa identificar com mais rapidez os alimentos.

foto despensa organizada foto alimentos nos cestos coloridos foto alimentos categorizados

Nas partes de cima e de baixo da despensa devem estar os alimentos menos utilizados, os favoritos têm que ficar no meio, assim, evita perda de tempo na hora de usá-los. O ideal é que eles sejam armazenados em pé e por categoria, lembrando de deixar no fundo aqueles de estoque menos rotativo e os com prazo de validade maior.

"Com um espaço organizado, o indivíduo conquista uma qualidade de vida melhor, consegue fazer tudo no tempo hábil e evita transtornos e situações de estresse desnecessários", finaliza Maria Íris.

*Marinella Souza é estudante de Comunicação Social da UFJF


Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.