• Assinantes
  • Cidade
    Quinta-feira, 16 de agosto de 2012, atualizada às 10h

    Pedreiro é espancado e baleado no bairro Floresta

    Lorranna Medeiros
    *Colaboração
    Polícia Militar

    Um pedreiro de 27 anos foi espancado e baleado na noite da última quarta-feira, 15 de agosto, em uma estrada vicinal localizada no bairro Floresta.

    De acordo com informações da Polícia Militar (PM), a vítima foi abordada por quatro homens, que solicitaram que ele ajudasse na resolução de uma situação. O homem concordou e entrou em um carro, junto com os suspeitos.

    No caminho, outro veículo se aproximou e os passageiros foram obrigados a trocar de automóvel. Os agressores passaram, então, a ameaçar o pedreiro de morte. A vítima foi espancada com cotoveladas no rosto.

    Durante as agressões, o pedreiro conseguiu se desvencilhar e fugiu. Na fuga, foi atingido na mão esquerda por um tiro. Uma viatura que passava pelo local atendeu o homem e deu início às buscas. Um dos suspeitos foi encontrado na estrada União Indústria, juntamente com a esposa e duas filhas, em um dos carros usados durante a ação. Ele foi preso em flagrante e encaminhado à delegacia de plantão. Os outros agressores não foram encontrados. A Polícia Civil vai investigar o caso.

    Três adultos e dois adolescentes são flagrados com crack em casa abandonada

    Um grupo formado por três adultos, de 31, 19 e 18 anos, além de dois adolescentes, de 12 e 16 anos, foi surpreendido pela Polícia Militar no final da tarde da última quarta-feira, 15 de agosto, no bairro Parque Guarani.

    Durante as buscas realizadas pelos policiais, foram apreendidas 31 pedras de crack. O grupo apresentava atitudes suspeitas e estava em uma casa abandonada. De acordo com o boletim de ocorrência, os policiais encontraram 20 pedras de crack em poder de um jovem de 18 anos. No terreno ao lado em que foi realizada a abordagem, foram encontradas mais 11 pedras da mesma substância.

    O homem de 31 anos, o jovem de 19 e outro de 16 informaram à PM que estavam no local para uso da droga. O menor, de 12 anos, que também estava no local na hora da abordagem, afirmou que estava no terreno apenas para fazer a entrega de um peixe comprado de seu pai por um dos suspeitos.

    Um dos autores, que seria dono da droga, ao perceber que a polícia chegava ao local, tentou jogá-la pela janela. Diante do fato, os policiais deram voz de prisão ao rapaz. Os demais envolvidos foram conduzidos à delegacia para prestarem esclarecimentos, e os menores foram acompanhados por familiares. Foram apreendidos, junto com a droga, R$ 30,95, diversas sacolas plásticas e um peixe.

    *Lorranna Medeiros é estudante do 7º período de Jornalismo do CES

    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.