• Assinantes
  • Cidade
    Sexta-feira, 11 de novembro de 2016, atualizada às 19h

    Homem é preso suspeito de agredir companheira

    Da Redação

    Nesta sexta-feira, 11 de novembro, a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) da Polícia Civil (PC), prendeu em flagrante, um homem de 31 anos por crime de violência doméstica baseado na lei Maria da Penha.

    De acordo com a assessoria da PC, a companheira do autor, de 25 anos, buscou ajuda no fórum, após ter sido, mais uma vez, agredida e ameaçada de morte por ele. A vítima foi encaminhada à DEAM e prestou depoimento, relatando que na manhã de hoje, foi agredida com uma sapatada do rosto, além de ter sido enforcada com um fio. Segundo ela, o autor queria os R$ 240 que ela havia recebido após ter trabalhado em um buffet. Ela ainda relatou que o autor é usuário de drogas e as agressões são constantemente presenciadas pelos 4 filhos do casal.

    Em outras oportunidades ela já havia denunciado o companheiro, obtendo medidas protetivas, mas não respeitadas por ele. Após prestar esclarecimentos na Delegacia, os policiais saíram em diligência e conseguiram prender o autor, que trabalhava em uma obra, na região central da cidade. No momento da prisão ele portava uma bucha de substância semelhante a maconha. O homem foi preso em flagrante e será encaminhado ainda hoje ao CERESP.

    Polícia Civil fecha casa de exploração sexual no Centro de Juiz de Fora

    Também nesta sexta, a PC, por meio da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM), desencadeou uma operação policial de combate à exploração sexual na região central da cidade. Na ação foi cumprido um mandado de busca e apreensão numa residência localizada na avenida Luiz Perry, no bairro Santa Helena. Doze mulheres, com idades entre 21 e 41 anos, que se prostituíam nas dependências do imóvel, foram conduzidas à delegacia. Outros dois homens, com idades entre 18 e 40 anos, que seriam clientes, também foram conduzidos  para a Delegacia. Um homem de 58 anos, suspeito de explorar sexualmente as mulheres, também foi preso em flagrante. A operação só foi possível graças a denúncias anônimas.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.