• Assinantes
  • Cidade
    Terça-feira, 30 de janeiro de 2018, atualizada às 9h29

    Defesa Civil registra mais cinco chamados após chuvas

    Da redação

    A Defesa Civil em Juiz de Fora registrou, nas últimas 24 horas, média de 27,98 mm de chuva. Os bairros Santa Efigênia (Sul) Ponte Preta (Norte) e o Centro tiveram maiores índices pluviométricos: 50,70 mm, 46,24 mm e 40,18 mm, respectivamente. O Rio Paraibuna, que estava com 1,13 m às 14h da última segunda-feira, 29 de janeiro, chegou a 1,54 m às 18h e na manhã desta terça-feira, 30, está registrando 1,44 m.

    Das 14h da segunda até às 8h30 desta terça, o departamento recebeu cinco chamados, todos de destelhamentos, sendo três na região Norte (Carlos Chagas e Milho Branco) e dois na região Oeste (Nova Germânia e Caiçaras).

    Segundo o boletim, "houve destelhamento e queda de parede em uma casa no Nova Germânia. No local, havia uma mulher e um cachorro, mas no momento do acidente ela correu para o banheiro, não teve ferimentos e foi orientada a ir para casa de parentes. O Imóvel está interditado até que a estrutura atingida seja refeita".

    Já no bairro Caiçaras, a estrutura metálica e cobertura de um galpão desprendeu e atingiu cinco casas. Em quatro dessas residências, houve apenas avarias; na quinta, o material obstruiu a entrada, mas o proprietário do galpão informou que, ainda durante a noite, liberaria a entrada da residência. Além disso, ele se comprometeu a retirar todo o material da via e das residências e a recompor as moradias atingidas. A Defesa Civil irá reavaliar ambos os casos da região oeste nesta terça.

    No bairro Carlos Chagas, a cobertura de uma residência voou e atingiu a rede elétrica. A Cemig foi acionada para isolar a rede até que o proprietário faça a remoção. Já no bairro Milho Branco, aconteceu dois destelhamentos de menor proporção e sem gravidade.

    A DC destaca que "sempre que acontece um destelhamento, cabe ao proprietário do imóvel arcar com os prejuízos causados. A Defesa Civil, ao ser chamada, aciona os órgãos necessários na resposta, como a Cemig, quando atinge a rede elétrica, por exemplo, e orienta a pessoa sobre o que deve ser feito e se houve algum comprometimento na edificação".


    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.