• Assinantes
  • Direitos Humanos
    Sexta-feira, 18 de maio de 2012, atualizada às 17h07

    Blitz educativa divulga número para denúncias contra abuso sexual

    Thiago Stephan
    Repórter
    Blitz educativa

    Nesta sexta-feira, 18 de maio, é celebrado o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Em Juiz de Fora, a data foi marcada por uma blitz educativa na avenida Juscelino Kubitschek promovida pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Sedese) e pelo 27º Batalhão de Polícia Militar (PM).

    Entre 8h30 e 11h30, cerca de 40 estudantes da Escola Estadual Clorindo Burnier e Escola Municipal Cecília Meireles, todos integrantes do programa Jovens Construindo Cidadania, desenvolvido pela Polícia Militar, realizaram panfletagem divulgando o Disque Direitos Humanos, que atende pelo telefone 0800-031-1119. De acordo com a coordenadora regional da Sedese em Juiz de Fora, Erla Teixeira, é grande o número de denúncias relacionadas ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes.

    "Dados de Minas Gerais mostram que, nos últimos três anos, foram registradas cerca de nove mil denúncias, três mil por ano. Os casos mais comuns são os de abuso sexual, cerca de dois mil anualmente. Os outros mil são de diferentes casos de violência", revela Erla.

    Segundo a coordenadora regional, a população tem papel fundamental no combate a estes tipos de crime. "A população tem que denunciar. As pessoas acham que precisam chamar a polícia ou procurar uma delegacia. Mas, pelo 0800-031-1119, é possível fazer a denúncia sem sair de casa, de forma sigilosa e gratuitamente. Quanto mais informações, mais ágil e precisa é a resposta", garante.

    Os textos são revisados por Mariana Benicá

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.