Mulher

Bruxas, gnomos, fadas... tudo feito com biscuit Aprenda a fazer massa e veja os detalhes do passo-a-passo de uma bruxinha

Sílvia Zoche
Repórter
11/04/2006
Dicas de como se prevenir contra os scams. Clique nos ícones ao lado para ouvir o que os especialistas têm a dizer Passo-a-passo Confira! Imprima!


Quem é que já não viu em Juiz de Fora algumas pessoas venderem bonecos de fadinhas, gnomos e bruxas pelos bares? São modelos e tamanhos diferentes e que encantam as noites da cidade.

Mas há oito anos, quando Gustavo Luiz da Silva se interessou pela arte dos bonecos de biscuit, seu público-alvo era diferente.

"Eu morava em Valença e durante três semanas produzia vários bonecos junto com uma prima. Vinha pra Juiz de Fora no início do mês, logo depois do pagamento, claro, e ficava aqui uma semana. Só que eu vendia em lojas, oferecendo pra clientes, durante o dia. Até que uns hippies me deram a dica de vender durante à noite nos bares", conta.

Certo dia, Gustavo conheceu Josilaine Maria de Oliveira, namorou, casou e, hoje, têm duas filhas. Josi acabou gostando do ofício de produzir bonecos de biscuit. "Sempre gostei de mexer com artesanato. Até que não foi difícil. Tem gente que tenta e não consegue de jeito nenhum", diz Josi.

Há dois anos, eles possuem dois ajudantes, porque já recebem encomendas de lembranças de aniversário, de batismo, entre outros eventos. "Uma loja de jóias já nos encomendou, porque entregavam de brinde para os clientes", conta Gustavo. Apesar disso, ele confessa que não larga a boemia. "Continuo as vendas à noite", diz.

Mas e a massa de biscuit? Gustavo diz que existem várias maneiras de fazê-la. "Aprendi com um primo, mas as formas dos bonecos eu aprendi sozinho", revela. Como eles fazem muitos bonecos, o casal contratou outro ajudante que fica responsável pela confecção da massa de biscuit, inclusive de dar a coloração depois.

A tinta usada para dar a cor na massa é corante líquido ou anilina. "A quantidade vai depender do tom que se quer", explica Josi. Para conservar bem a massa, logo depois de pronta, é necessário guardá-la em um pote plástico fechado e sem ar ou envolvê-la num saco plástico. Se deixar ao ar livre, em questão de poucas horas, a massa endurece.

 

Josi e Gustavo já deixam algumas partes dos bonecos prontos, como rosto, pernas, mãos e sapatos. É que o biscuit não gruda um no outro. É necessário usar cola branca do rótulo azul pra emendar as partes. "Essa é a única desvantagem da massa", diz Gustavo. Uma coisa é certa. Habilidade e paciência ajudam muito na hora de montar estes belos bonecos.

Leia mais

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.