Mulher
Jussara Hadadd Jussara Hadadd 10/4/2012

Sua boca é o céu que eu quero alcançar

Imagem de René MagritteDe olhos fechados, deixando o pensamento ir, encontrar as nuvens. O frescor e a leveza das nuvens brancas que passam sem sentido, fluindo para onde a chuva tem de chegar.

De olhos fechados, imaginando e sentindo. Percebendo cada toque dos lábios, os sons e o perfume da respiração do amor que, nesta hora, vem afagar os anseios por carícias e ensejos que o desejo acendeu.

De olhos fechados, caminhando sob o calor do sol que inunda de luz um corpo que pede amor no corpo do outro... De olhos fechados, sonhando com a luz do amor, com o brilho que o desejo acende na alma, trazendo cores a um momento dedicado a vida. Que o sol brilhe apenas neste instante e que a luz pareça eterna.

De olhos abertos, olhando nos olhos e confirmando o instante presente e ausente que nasce e morre e que morre feliz se morrer ali.

De olhos bem abertos, confirmando a presença e a proximidade do amor que deve partir e que ali parece jamais ter de ir.

De olhos abertos, atentos a satisfação de quem recebe de você o que você tem de melhor para dar. Que a sua doação permita levitar, que a sua entrega proponha sonhar além do contato dos lábios molhados, das línguas incertas que a mente tenta em vão acertar.

De olhos abertos ou de olhos fechados, que um homem e uma mulher que compartilhem em desejo e loucura de amar, sintam a sutileza e o poder, as energias, o fluir das emoções e as ondas que movimentam seus corpos e o pulsar das veias, as batidas do coração as certezas de um caminho.

De olhos abertos ou fechados, que a loucura de beijar seja plena, viva e jamais desprezada em sua riqueza. Seja o alimento.

Que o beijo dos amantes seja o sinaleiro e o termômetro das delícias que os une em verdade. Jamais se esqueçam da delícia de beijar.

Que o beijo dos amantes seja a verdade, seja a luz, seja o amor expresso em silêncio rico de dizeres, jamais encontrados em palavra alguma.

A certeza, a âncora, o presente, as lembranças, o último suspiro.

Mais artigos

Jussara Hadadd é filósofa e terapeuta sexual feminina
Saiba mais clicando aqui.

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.