• Assinantes
  • Negócios

    Guia de Natal: preços variam até 398% entre supermercados

    A Secretaria de Agropecuária e Abastecimento (SAA) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) divulgou o Guia do Consumidor Especial de Natal de 2017. A pesquisa compara semanalmente os preços de 59 produtos típicos das festas de final de ano em oito supermercados da cidade.

    Os produtos pesquisados são divididos nas categorias bebidas, carnes, frutas, enlatados e outros. A manga hadden, além de liderar a diferença de preço na categoria frutas, foi o item que mais variou de preço entre todas as categorias nos supermercados da cidade, custando entre R$ 2,99 e R$ 14,89 o quilo em diferentes estabelecimentos. Em percentual, a diferença registrada chega a 398%.

    O espumante foi a bebida com maior diferença de preço (279,5%). A garrafa de 660ml da bebida pode ser encontrada de R$ 4,98 a R$ 18,90 em diferentes supermercados. Dentre as carnes, o lombinho canadense lidera a lista, com 116,1% de variação: o quilo está custando entre R$ 22,90 e R$49,49.

    O pêssego em caldas foi o enlatado com maior diferença de preço registrada (43,8%). A embalagem de 450 gramas custa entre R$4,79 e R$6,89. As frutas cristalizadas foram o produto com maior variação na categoria “outros”. O quilo do produto está custando de R$8,65 a R$ 29,98. Em percentual, a diferença é de 246,6%.

    O item que apresentou maior variação em relação à semana passada foi a manga hadden, com preço médio de R$8,94, aumento de 199%. A castanha portuguesa aparece na segunda posição, com variação de 91,65% do preço médio em relação à pesquisa anterior: passou de R$ 39,98 para R$ 76,62 (o quilo). A melancia fecha o pódio das maiores alterações em relação à pesquisa da semana passada. O quilo da fruta que teve como preço médio R$0,99 na semana anterior, passou a custar, em média, R$1,54. A variação registrada é de 55,56%.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.