• Assinantes
  • Tecnologia
    Quinta-feira, 19 de outubro de 2017, atualizada às 16h08

    WhatsApp libera envio de localização ao vivo por até oito horas

    Da redação

    O WhatsApp começou a liberar nesta terça-feira, 17 de outubro, uma nova ferramenta que permite ao usuário compartilhar a sua localização exata no mapa. Para tanto, a tecnologia tira proveito do GPS existente na maioria dos celulares e smartphones. O recurso é compatível com Android e com iPhone (iOS).

    Quando ativado, o recurso exibe em tempo real a localização do usuário. Conforme a pessoa se move, o indicador no mapa também se movimenta, para refletir o trajeto.

    O compartilhamento de localização ao vivo chega no formato de uma mensagem no próprio chat, com a posição do remetente no mapa. Ela funciona tanto em conversas individuais quanto em conversas em grupo. Para acioná-la é preciso tocar no ícone de clipe de escritório e depois selecionar o compartilhamento de local. Na sequência, entre as opções vai aparecer “Localização atual”.

    A equipe de engenharia do WhatsApp ainda incluiu uma forma de visualização que mostra, num mesmo mapa, todos os usuários que decidiram compartilhar sua posição no globo.

    O recurso fica ativo por até oito horas. De acordo com encarregado pela novidade, Zafir Khan, são três opções de duração da localização ao vivo:

    15 minutos: indicado para aqueles momentos em que você está em vias de encontrar uma pessoa, e precisa de auxílio para encontrar a rua exata.

    60 minutos: indicado para quando o usuário está saindo de casa para um compromisso de carro.

    8 horas: para shows, festivais e outros eventos, em que o usuário normalmente está em grupo.

    “Queremos que os usuários estejam no controle. Por isso adicionamos um botão de encerrar o compartilhamento a qualquer momento”, explica Khan. O botão é apresentado em vermelho, na janela de chat, logo abaixo da mensagem com a localização em tempo real.

    Khan ressalta que as informações trafegam na rede do WhatsApp com a técnica de segurança de criptografia ponta a ponta. Na prática, isso quer dizer que nem mesmo os funcionários da plataforma conseguem acessar as informações de localização, como já acontece com mensagens em texto, fotos, vídeos, áudios e chamadas de voz ou vídeo.

    O aplicativo mais popular do país oferecia uma ferramenta de localização geográfica que também usava o GPS do smartphone como parâmetro para enviar um ponto no mapa. No entanto, não era possível ajustar para que a localização se atualizasse constantemente.

    O recurso de Localização Atual foi visto anteriormente em versões de testes do WhatsApp. Esta é a primeira vez que a companhia confirma sua existência e também a disponibilidade para toda a base de usuários – 1,3 bilhão de pessoas se conectam ao mensageiro a cada mês. Segundo a empresa, pode levar até uma semana para que a atualização chegue a todos.


    Com informações do site TechTudo

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.