• Assinantes
  • Autenticação
  • Animais

    Você conhece a Alimentação Natural para cães e gatos?

    Isabela Micherif Isabela Micherif 9/02/2019

    A alimentação natural consiste em uma dieta caseira, adequada para atender as necessidades nutricionais dos pets.

    Existem três tipos de alimentação natural: AN cozida, AN crua sem ossos e AN crua com ossos, sendo que o ideal é escolher aquela à qual seu peludo mais se adapte, pois, em qualquer uma das suas modalidades, a alimentação natural equilibrada é vantajosa quando comparada à alimentação seca (ração).

    Como se trata de uma dieta caseira, isso quer dizer que cães e gatos podem comer a mesma comida que nós, humanos? A resposta é sim e não. À primeira vista, a alimentação natural é bem parecida com a dieta que consumimos (considerando uma alimentação saudável, claro!), pois é composta basicamente por vegetais frescos, carnes e vísceras. No entanto, não significa que possamos alimentar nossos animais com restos de comida ou que possamos elaborar o seu cardápio por conta própria, já que a dieta deve ser balanceada e devidamente suplementada, de acordo com a necessidade de cada animal.

    A transição da ração seca para a alimentação natural deve contar, sempre, com a supervisão de um médico veterinário ou de um zootecnista. Eles são os profissionais capacitados para indicar a melhor dieta para o seu cão ou gato, informar sobre os alimentos tóxicos, bem como para estabelecer as proporções corretas entre os ingredientes e a quantidade de alimento a ser fornecida ao animal, que dependerá do porte, peso e, até mesmo, da quantidade de exercícios físicos praticados pelo seu bichinho.

    De acordo com a médica veterinária, Camila Delmonte, “esta parceria com um profissional que domine os conhecimentos de nutrição animal e acompanhe a saúde do seu pet é essencial, pois oferecer uma dieta caseira desbalanceada tende a trazer graves consequências. Deficiências ou excessos nutricionais podem provocar atraso no desenvolvimento, problemas ósseos, dermatites, ganho ou perda de peso indesejados, além de outros distúrbios metabólicos.”

    Dito tudo isso vem a pergunta: mas por que seria vantajoso substituir a ração por esse tipo de alimento? Porque, ao contrário da maioria das rações presentes do mercado, a alimentação natural é livre de aditivos químicos, como conservantes, corantes e flavorizantes. Sabe qual a importância de afastar o seu peludo do consumo desses aditivos? Já existem estudos associando tais substâncias a casos de câncer, alergias e distúrbios na função endócrina e/ou comportamental.

    Além disso, com a alimentação natural seu animal pode ter acesso a uma dieta livre de grãos, diferente da maioria das rações encontradas no mercado, que apresentam, por exemplo, soja, milho e trigo em sua composição. Caso seja livre de grãos, a alimentação natural é, consequentemente, livre de transgênicos também.

    Isso sem falar que a alimentação natural possui, em média, 70% de água em sua composição, o que contribui para a hidratação do animal, protege a saúde dos rins e do trato urinário, além de facilitar a digestão.

    Imagina como seria comer um alimento seco, com o mesmo sabor, todos os dias? Nada bom! Assim, com a introdução da alimentação  natural, o momento das refeições costuma ser muito mais prazeroso e alegre, principalmente para os cães, que tem satisfação em variar o paladar.

    Diante de tantas informações e cuidados a serem tomados, a primeira impressão é de que é tudo muito difícil e trabalhoso, não é mesmo? Mas não desanime! Quando começamos, percebemos que é mais fácil do que imaginávamos. Além disso, é notória a mudança na saúde, na pelagem e na disposição dos pets, o que faz tudo valer a pena. Também já existem no mercado empresas especializadas no fornecimento de alimentação natural para pets, o que pode facilitar o processo.

    De forma geral, os benefícios da alimentação natural são inúmeros quando comparada à ração seca. Em pouco tempo nota-se melhora na saúde e qualidade de vida dos peludos. Também já existem estudos que comprovam que alimentos funcionais favorecem a longevidade. Quer coisa melhor que manter seu peludo por mais tempo ao seu lado, cheio de saúde? 

    Nos próximos meses você vai conhecer um pouco mais das diferentes modalidades de alimentação natural, como oferecer petiscos saudáveis e enriquecer a rotina dos nossos amigos de quatro patas. Envie suas dívidas e sugestões de temas, será um prazer ter a sua companhia nessa jornada deliciosa!

    O alimento que você consome pode ser o tratamento mais seguro e poderoso ou a forma mais lenta de envenenamento". (Ann Wigmore)

    Isabela Micherif
    é graduada em Direito, pós-graduada em Direito Público, trabalhou por dez anos na área de Direito Ambiental, sendo cinco na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMAD) e cinco como assessora no Ministério Público de Minas Gerais. Depois desde período, deixou o trabalho no escritório para levar mais saúde e qualidade de vida a cães e gatos, por meio da alimentação natural. É proprietária e pet chef na empresa Cozinha Pet – alimentação natural para cães e gatos.

    Os autores dos artigos assumem inteira responsabilidade pelo conteúdo dos textos de sua autoria. A opinião dos autores não necessariamente expressa a linha editorial e a visão do Portal ACESSA.com

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.