Empresas da região aderem ao Programa Techgeraes

Colaboração:
Repórter Ana Maria Reis
16/11/99

Desde o seu lançamento, em maio deste ano, o programa TechGeraes do Sebrae/MG vem fortalecendo a estrutura de micro e pequenas empresas de Juiz de Fora e região. A iniciativa, pioneira no país, baseia-se no desenvolvimento tecnológico de novos empreendedores para que estes possam competir em um mercado cada vez mais globalizado. Sua primeira vitória foi o prêmio mineiro de Inovação Tecnológica concedido recentemente à Incubadora do CRITT, na UFJF.


Critt ganha Prêmio Inovação Tecnológica

O Sebrae/MG inscreveu 18 empresas da cidade para competir no Prêmio Inovação Tecnológica. Juiz de Fora concorreu nas três categorias: Melhor Instituição Tecnológica; Melhor Empresa em Inovação Tecnológica e Melhor Incubadora, saindo vitoriosa nesta última, onde foi premiado o Centro Regional de Inovação e Transferência de Tecnologia (CRITT) como a número um em todo estado de Minas Gerais. O reconhecimento do CRITT aconteceu no final de outubro, em Belo Horizonte, mas o órgão já é parceiro do Sebrae há dois anos e participa do TechGeraes desde o seu lançamento, em maio deste ano, dentro do programa Sebrae de Incubadoras.

O objetivo do projeto é a diferenciação de produtos e serviços das incubadoras mineiras dentro do atual mercado. Este programa viabilizou um valor de R$ 100 mil ao CRITT destinado ao seu desenvolvimento tecnológico (clique aqui para obter informação de como inscrever-se neste programa). Além do apoio financeiro, o programa Sebrae de Incubadoras prevê consultoria, capacitação gerencial e recursos humanos, através de seminários e visitas técnicas.

Techsoluções já atendeu a 66 empresas da região

O grande trunfo do TechGeraes (conheça os programas clicando aqui), no entanto, vem sendo o Techsoluções. De acordo com o técnico do Sebrae/MG, Leonardo Reis Pereira, a demanda aumentou muito desde o lançamento dos programas. “Nosso objetivo é facilitar o acesso às soluções tecnológicas, já que o investimento nesta área é o principal diferencial competitivo do mercado globalizado”, ressalta Pereira. Ele observa que este projeto tem a proposta de garantir ao empresariado subsídios mais adequados, com base na análise da demanda tecnológica e gerenciamento de resultados.

Atualmente, o Sebrae/MG atende 66 empresas da cidade e região, que atuam nos setores de vestuário, energia, madeira, panificação, alimentos, móveis, borracha, farmácia e cosméticos. Para a implementação destes projetos, o Sebrae fixou o valor que gira em torno de R$ 108 mil ao ano: cada empresa pode utilizar o valor máximo de R$ 2 mil ou 70% equivalente ao valor do projeto apresentado. Os 30% restantes para a implementação do projeto ficam sob responsabilidade da entidade executora que atua em parceria com a empresa beneficiada pelo Techsoluções. O empresário pode obter uma segunda ajuda do Sebrae, também a fundos perdidos (valor sem reembolso), só que desta vez, a empresa só recebe 50% do valor do projeto.

Techsetorial auxilia mercado de móveis

Outro programa do TechGeraes já está em pleno andamento. Desta vez, o objetivo é o mercado externo. Através do Techsetorial, que tem por finalidade diagnosticar e elaborar soluções de problemas tecnológicos de empresas que integrem pólos setoriais na região, o já conhecido setor empresarial de móveis de Ubá está se preparando para internacionalizar-se. “O Sebrae já diagnosticou e identificou os centros tecnológicos que atuam no setor capazes de gerenciar a exportação dos móveis em Ubá”, garante o técnico da instituição.

Enquanto o projeto vai tomando forma e a procura vai gradualmente crescendo, o TechGeraes já faz planos para o ano 2000. Visando a realização de rodas de negócios tecnológicos para criar oportunidades de parceria e compra, venda ou transferência de tecnologia, o Sebrae-MG vem mantendo contanto com a Universidade Federal de Viçosa, considerado maior centro de pesquisa da Zona da Mata.

Inscrições de empresas nos programas

A inscrição de empresas que queiram participar dos programas que integram o TechGeraes pode ser realizada no Sebrae de Juiz de Fora, que fica na Rua Santo Antônio, 1009. Outras informações, pelos telefones 239-5311 ou 239-5302.

Edital Sebrae de Incubadora

O Sebrae/MG irá lançar agora em novembro o edital do programa Sebrae de Incubadoras para o ano 2000. A Incubadora de Tecnologia que quiser inscrever-se deverá apresentar um projeto na área de inovação tecnológica. Após a aprovação, que acontece em Brasília pelo Sebrae Nacional, a instituição receberá ajuda financeira, além de outros serviços como consultoria e visitas técnicas.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.