• Assinantes
  • Autenticação
  • Casa

    Segunda-feira, 07 de abril de 2008, atualizada às 16h16

    Empresa Júnior de Engenharia vai premiar melhor projeto para casas populares


    Priscila Magalhães
    Repórter

    A Porte, Empresa Júnior de Engenharia e Arquitetura da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), está realizando concurso para premiar o protótipo de uma Casa Embrionária Economicamente Viável. As inscrições vão até a próxima sexta-feira, 11 de abril.

    Segundo o coordenador do concurso e o gestor de projetos da empresa, Luiz Felipe Dutra Caldeira, o projeto deve apresentar benefícios econômicos, aliado ao conforto e ser eficiente. "O programa de necessidades proposto no edital leva em consideração a eficiência energética e sistemas alternativos de produção para reduzir os custos".

    Professores e profissionais da área vão avaliar os projetos, que devem ser feitos de acordo com o perfil dos clientes. "A idéia é estabelecer um projeto modelo que fosse adaptado para as diversas situações, já que a maioria dos nossos clientes tem poder aquisitivo mais baixo, não podendo pagar por um profissional formado", diz Luiz Felipe. Dessa forma, a idéia do concurso surgiu a partir das necessidades da própria empresa.

    Alunos dos cursos de engenharia de produção, civil, elétrica e arquitetura podem participar. Os grupos podem ter, no máximo, cinco integrantes. De acordo com o cronograma, a premiação acontece no dia 09 de maio. "Antes disso, os concorrentes devem passar pela pré-banca, quando vai haver a apresentação do que está sendo produzido, e pela avaliação do trabalho pelos profissionais".

    A equipe vencedora vai receber o prêmio de R$ 2.500 e deverá desenvolver os projetos arquitetônico e preliminares, utilizados para a promoção do auxílio à comunidade. "A equipe que apresentar o melhor conjunto de idéias vai ser premiada", completa Luiz Felipe.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.