• Assinantes
  • Autenticação
  • Casa

    Busca de conforto em sala de estar espaçosa, mas escura Para deixar uma sala bem iluminada não é preciso muito quebra-quebra, a iluminação artificial é a chave para esse problema

    Marinella Souza
    *Colaboração
    07/10/2008

    A dona de casa Clara Maria Oliveira estava descontente com sua sala que, embora espaçosa, é mal iluminada e muito tumultuada. Ela queria mudar tudo (foto abaixo). Como não dá, pediu ajuda à equipe do portal ACESSA.com na Seção Mão na Massa, para que um profissional desse alguns conselhos e, assim, tornar o espaço principal da casa mais agradável para as quatro pessoas que lá habitam.

    Quem trouxe as soluções para Clara foi a arquiteta Juliana Mara que analisou as fotos que Clara nos enviou e concluiu que é preciso integrar a sala em um ponto único do ambiente. "Os móveis estão muito espalhados e precisam ficar em um ponto central para aproveitar melhor o espaço", orienta.

    A grande reclamação da família de Clara é quanto à iluminação. "A sala é muito escura, tem uma janela só, que dá para um muro muito alto", diz a dona de casa. Ela conta que pensou em fazer uma janela de tijolo e vidro, mas Juliana tem uma solução muito menos trabalhosa.

    "Sugiro que faça uma iluminação artificial com um forro de gesso com rasgos para iluminar mais o ambiente. Ela pode frisar a circulação também, forçando a passagem com vários pontos de luz no corredor e um central para valorizar a parte onde está a TV. Isso vai deixar o ambiente mais 'estar'", aconselha. Outra sugestão da arquiteta é o uso do dimer, que vai permitir que se controle a luz de acordo com o interesse das pessoas.

    Além de espalhados, os móveis são também muito escuros e "pesados", o que causa a sensação de redução do espaço. A arquiteta aconselha que Clara opte por um layout mais leve com linhas retas e cores mais neutras. A sugestão são as tonalidades mais claras como a laca branca e a imbuia mel.

    Foto da sala de Clara Oliveira

    Em relação aos móveis, Juliana acredita que trocar os móveis por outros mais retos vai suavizar o ambiente. Para destacar a parede onde fica a rack, pode-se pintá-la de uma outra cor como verde ou azul, ou seja, cores mais frias, que não vão cansar os olhos.

    Clara reclama da estante que é muito grande. "Eu queria trocá-la por uma menor, mas não pode ser muito pequena porque preciso guardar alguns objetos lá. Tem que ser uma estante média", diz. Para solucionar esse problema, Juliana sugere um rack mais baixo e com aéreos, ou seja, prateleiras e módulos fechados para que a dona de casa ganhe espaço sem perder a praticidade da velha estante (veja abaixo o projeto elaborado pela arquiteta).

    Planta da reforma sala de Clara

    Pintar as portas de branco, segundo Juliana, vai deixar o espaço maior e usar adesivos de parede vai dar um toque mais atual ao ambiente. "Esses adesivos (foto abaixo, à esquerda) têm aplicação fácil e está super em alta em decoração. Existem adesivos para todos os gostos e eles personalizam a decoração".

    A sala da casa de Clara serve de passagem para os demais cômodos da casa e ela precisa que seja um espaço livre, sem muitos objetos. "Não gosto de nada muito cheio porque todo mundo passa pela sala o tempo todo e eu sou muito estabanada, esbarro em tudo", conta.

    Montagem com exemplos de móveis para a sala de Clara Oliveira

    O projeto da arquiteta, resolve esse problema porque sugere o uso de um sofá de dois lugares, no lugar do de três, de preferência do tipo que pode virar chaise para dar mais conforto na hora de assistir a televisão e para o centro, puffs, que podem servir de assento quando a família receber visitas, fato que Clara confessa, é raro. Para compor esse ambiente, a última dica é colocar um aparador atrás do sofá que vai servir de apoio para o telefone e também para chaves e outros objetos.

    *Marinella Souza é estudante de Comunicação Social da UFJF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.