Quarta-feira, 14 de maio de 2008, atualizada às 18h

Polícia Rodoviária Federal vai fiscalizar com mais rigor, a partir de junho, o porte do IPVA atualizado



Daniele Gruppi
Repórter

Segundo o inspetor Wallace Wischnski, a Polícia Rodoviária Federal vai, a partir de junho, fiscalizar com mais rigor o porte do IPVA atualizado. Quem pagou suas parcelas no prazo já vai receber o documento. De acordo com o calendário do Detran, as placas com final de zero a seis recebem em junho e de 7 a zero, em julho.

Por enquanto, o condutor para estar em conformidade com o Código Nacional de Trânsito deve andar com o IPVA de 2007 quitado, bem como o comprovante de pagamento de todas as taxas, entre elas seguros e multas, caso o motorista tenha recebido.

O comprovante de pagamento de IPVA é obrigatório e deve ser guardado durante cinco anos. Quem não respeitar a lei pode ser autuado com base no artigo 232. "A infração é considerada média e a multa é de 60 ufir, ou cerca de R$ 80".

Quem não efetuou o pagamento do imposto nas datas determinadas está sujeito a incidência de multa calculada sobre o valor do imposto ou da parcela deste, sendo 0,3% por atraso, quando o pagamento ocorrer até o trigésimo dia ou de 20% a partir do trigésimo primeiro dia mais juros.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.