Sexta-feira, 19 de maio de 2017, atualizada às 9h

Vigia é morto dentro do trabalho na Barreira do Triunfo

Da redação

Um homem, de 48 anos, que trabalhava dentro de uma casa do projeto Minha casa, Minha Vida, na Barreira do Triunfo, na Zona Norte de Juiz de Fora, morreu por volta das 19h50, da última quinta-feira, 18 de maio. Outro vigia, de 30, que também estava no local, foi alvejado pelos bandidos.

De acordo com o Boletim de Ocorrências, o lugar serve como apoio para os vigilantes de uma empresa de segurança, que presta serviço para a Caixa Econômica Federal (CEF). A vítima relatou que havia acabado de jantar e foi guardar a marmita na cozinha, quando dois homens entram pela porta da sala, disseram "perdeu, perdeu, perdeu" e atiraram contra o outro homem.

Segundo o sobrevivente, ele foi atingido na perna e caiu na cozinha, em cima de seu coldre, perto de um revólver calibre 38. A dupla foi até ele e perguntou onde estava a outra arma e roubaram o objeto, além de 17 munições, também de calibre 38.

Logo em seguida, os indivíduos fugiram e não foram localizados. O ferido, ao sair do imóvel para buscar socorro, encontrou um terceiro indivíduo, que o segurou e perguntou o que tinha acontecido, mas ele desvencilhou e fugiu em seu carro para a Upa Norte, em Benfica, onde foi retirado um projétil de sua perna esquerda, próximo ao quadril.

A perícia compareceu ao local e verificou que o morto foi atingido na cabeça. Foram recolhidos, ainda, três projeteis de arma de fogo. O supervisor da empresa também acompanhou a ocorrência.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.