Sexta-feira, 8 de junho de 2018, atualizada às 13h

Secretário e funcionário público são presos por desviar mais de R$ 180 mil em Guiricema

Da redação

Operação deflagrada pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) no dia 30 de maio, em Guiricema, na Zona da Mata, resultou nas prisões preventivas de um secretário municipal e de outro agente público, suspeitos de estarem envolvidos em fraude à licitação, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa.

Se acordo com a assessoria do MP, "as investigações conduzidas pela Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público de Visconde do Rio Branco, entre 2013 e 2016 foram desviados mais de R$ 180 mil dos cofres públicos da Prefeitura. Segundo apurado, uma empresa contábil fictícia teria sido contratada, porém,  sem a prestação de qualquer serviço à municipalidade".


Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.