Terça-feira, 24 de julho de 2018, atualizada às 10h50

Estelionatários usam nome da Prefeitura e empresários perdem R$ 31 mil

Da redação

Dois homens, de 40 e 48 anos, de Três Pontas, no Sul de Minas, perderam R$ 31 mil após serem vítimas de estelionato na tarde desta segunda-feira, 23 de julho, no Centro de Juiz de Fora.

De acordo com o Boletim de Ocorrências, o bandido, que se identificou como advogado da Prefeitura, ligou para um dos empresários oferecendo o lote de botijões de gás, que teria sido apreendido. Segundo ele, cada botijão sairia por R$ 75.

O homem, acreditando na oferta, fez a proposta ao outro empresário, que aceitou o negócio.

Eles marcaram o encontro na Câmara Municipal, onde as vítima levaram o dinheiro em espécie. Chegando ao local, um outro indivíduo também compareceu, dizendo ser funcionário da Prefeitura e apresentou as guias para pagamento.

Ao entregarem o dinheiro, o suposto advogado alegou que precisava conferir os valores e deslocou para outro andar do prédio e sumiu.

Desconfiados com a demora, as vítimas notaram que haviam caído em um golpe. Funcionários da Câmara informaram que não havia nenhum tipo de negociação sendo feita por parte da Prefeitura.

De acordo com os militares, os estelionatários estavam com camisetas da Secretaria de Estado da Fazenda. Toda a ação foi filmada pelo sistema de segurança e o caso foi encaminhado para a Polícia Civil (PC).

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.