• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Terça-feira, 20 de novembro de 2018, atualizada às 11h3

    Homem é preso suspeito de abusar das filhas de 9 e 10 anos

    Da redação

    Um homem, de 33 anos, foi preso na manhã dessa segunda-feira, 19 de novembro, acusado de estuprar as próprias filhas. O crime foi registrado na Rua Martins Barbosa, em Nova Benfica. Conforme o Boletim de Ocorrências da Polícia Militar (PM), a menina, de 10 anos, estava em estado de pânico. Ela confirmou que o pai mantinha relações sexuais com ela e a irmã há aproximadamente dois anos, na época em que eles ainda moravam no Bairro Sagrado Coração de Jesus.

    A garota afirmou que os abusos aconteciam em dias alternados e que o autor começou acariciando as partes íntimas, evoluindo para conjunção carnal. O homem usava uma pomada nas filhas, para diminuir as dores. Na madrugada desta segunda, ele ofereceu maconha para as filhas e abusou da de 9 anos. Os atos eram realizados sempre de madrugada, no quintal da casa, onde dormem os cachorros da família.

    Ainda conforme o registro da PM, a avó das garotas, de 65 anos, confirmou o crime. A mãe das meninas relatou que não sabia dos abusos, mas que desconfia das atitudes pois ele tinha ciúmes excessivos das filhas e não deixava as crianças saírem de casa, nem para a escola.

    Durante o registro policial, o homem chegou em casa e trocou de roupa. Ele pediu para as filhas falarem que elas já estavam namorando na escola e mantinham relações sexuais com os companheiros. Além disso, o suspeito ameaçava as meninas dizendo que se ele fosse preso elas seriam abandonadas  em um orfanato. O indivíduo foi encaminhado para a Delegacia e as meninas para o Hospital de Pronto Socorro (HPS), onde foi confirmado o ato em uma das garotas. O caso será encaminhado para o Conselho Tutelar.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.