Sábado, 22 de março de 2014, atualizada às 10h43

UFJF aplica provas do concurso público para técnicos neste domingo. Confira as orientações

TAE

Neste domingo, 23 de março, a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) aplica as provas do concurso de técnico-administrativos em educação, a partir das 14h, em 16 pontos da cidade. Os 18.397 inscritos para as 150 vagas ofertadas (confira a relação) devem ficar atentos às orientações para evitar transtornos na última hora. O local da prova já foi informado aos candidatos no comprovante definitivo de inscrição.

O candidato deve chegar com antecedência ao local de prova, já que os portões serão fechados às 14h e não haverá tolerância. Também é importante checar previamente toda a documentação e não deixar para imprimir o comprovante na última hora. Nenhum candidato será admitido em sala se não estiver munido de documento de identidade original e válido. Não serão aceitas cópias, ainda que autenticadas.

Acessórios proibidos

Os candidatos também não devem levar celular, MP3, fones de ouvido ou qualquer outro dispositivo eletrônico. Fiscais e demais envolvidos no concurso não irão guardar ou mesmo informar onde os aparelhos poderão ser deixados. Serão utilizados detectores de metais nos locais de prova e também serão retiradas fotos das salas de aula.

A única bebida admitida em sala é água em garrafa transparente. Não será permitido refrigerante ou qualquer outro líquido que não seja transparente. Além disso, adornos, acessórios de cabelo, chapéus, bonés, óculos escuros e relógios de qualquer tipo também não serão admitidos. Candidatos com cabelos compridos devem mantê-los presos e de forma a deixar as orelhas descobertas.

Durante a realização das provas, somente será permitido o uso de caneta com corpo transparente, de cor azul ou preta, as mesmas que deverão ser usadas para o preenchimento do cartão de respostas. Conforme o edital, a Copese fornecerá canetas aos candidatos e não será permitida a utilização de lápis ou borracha, e nem de canetas dos próprios candidatos.

Provas

Nessa primeira etapa, será aplicada uma prova teórica composta de 60 questões de conhecimentos gerais e específicos, totalizando 120 pontos. Confira a distribuição das questões no edital. A duração do exame é de quatro horas. E os candidatos só poderão deixar as salas após uma hora e 30 minutos a partir do início efetivo.

Para os cargos que exigem prova prática, o resultado dos selecionados, para a segunda etapa será divulgado no dia 15 de abril no site da Copese. Na mesma data, também serão informados os locais e horários para a aplicação da avaliação prática agendada para o dia 26 de abril. O resultado da prova prática estará disponível no dia 16 de maio.

Paralisação não afetará cronograma do concurso

Mesmo com a paralisação dos servidores públicos, a presidente da Comissão de Acompanhamento dos Concursos de TAEs, Débora Lipp, explica que a paralisação dos servidores não afetará o cronograma de realização do concurso. "O concurso transcorrerá normalmente como previsto nos editais."

Em nota, o Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino no Município de Juiz de Fora (Sintufejuf), informa que a greve realizada pela categoria não irá interferir na realização do concurso, tendo em vista que uma das reivindicações da categoria é por mais concursos públicos, e a consequente diminuição dos setores terceirizados.

Trânsito e segurança

Faixas já foram instaladas no campus para orientar os candidatos quanto às unidades onde farão provas. A UFJF orienta que os condutores evitem o tráfego na região do campus entre 12h e 18h. Para garantir a segurança e a fluidez do trânsito a Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) e a Polícia Militar organizaram um esquema especial para atender a demanda no domingo.

Linhas extras

De acordo com a Settra, a partir das 7h, as linhas com destino ao campus universitário e ao Colégio de Aplicação João XXIII contarão com ônibus extras. Serão mais de dez ônibus das linhas 510 (Dom Bosco), 545 e 555 (Universidade), 221 e 222 (Santa Catarina/Bom Pastor) e 755 (zona norte/UFJF).

A partir das 11h30, a linha 510 (Dom Bosco) sairá do Centro, na Avenida Barão do Rio Branco, em frente ao Parque Halfeld, com destino à Universidade. As linhas 545 e 555 contarão com oferta de ônibus das empresas Tusmil, Santa Luzia e São Francisco, e atendendo ao Campus, a partir das 7h30 até as 18h, saindo da Avenida Getúlio Vargas, no cruzamento com a Rua São João.

Trajeto e interdições

Saindo do centro com destino ao bairro, o trajeto da linha 555 (Universidade) será feito da seguinte forma: Avenida Getúlio Vargas com Rua São João, Praça Antônio Carlos, Travessa Doutor Prisco, Avenida Francisco Bernardino, ruas Benjamin Constant, Santo Antônio e Paula Lima, Avenida dos Andradas, Rua Engenheiro José Carlos Moraes Sarmento, Trevo Vale Ipê, Estrada Gentil Forn, ruas Luiz Zuddio, José Kirchmaier e José Lourenço Kelmer, pórtico norte, Faculdade de Engenharia, anel viário, Faculdade de Saúde e ponto final.

Devido a realização do concurso da UFJF, o trânsito na altura do bairro São Pedro sofrerá algumas alterações durante o horário das 12h às 19h. Algumas ruas serão interditadas para que sirvam como estacionamento. Confira as ruas que serão interditadas: Adolpho Kirchmaier, entre a José Lourenço Kelmer e a Avenida Pedro Henrique Krambeck; Virgulino João da Silva, entre a José Lourenço Kelmer e a Avenida Pedro Henrique Krambeck; Joaquim Caetano, entre as ruas Adolpho Kirchmaier e Virgulino João da Silva; Pedro Gerhein, entre as ruas Joaquim Caetano e João Lourenço Kelmer; e José Almério Oliveira, entre as ruas Virgulino João da Silva e Pedro Gerheim.

O trecho entre o portão norte da UFJF e o trevo do Jardim Casablanca funcionará em mão única. O sentido da Rua Lauro Teles de Mesquita e os veículos vindos do Centro com destino a UFJF será invertido, desse o modo, os condutores deverão realizar o seguinte trajeto: Avenida Pedro Henrique Krambeck e ruas Lauro Teles de Mesquita e José Lourenço Kelmer.

As avenidas Pedro Henrique Krambeck, com Rua Virgulino João da Silva; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Adolpho Kirchmaier; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Lauro Teles de Mesquita; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Antônio Rufino; Presidente Costa e Silva, com Rua Antônio Rufino; Presidente Costa e Silva, com Rua Lauro Teles de Mesquita; Presidente Costa e Silva, com Rua José Lourenço Kelmer; Rua José Lourenço Kelmer, com Adolpho Kirchmaier; avenidas Presidente Itamar Franco, com Rua Vicente Beghelli; Avenida Presidente Itamar Franco, com Estrada Dom Orione; Estrada Dom Orione/Entrada do Hospital Universitário – Centro de Atenção à Saúde (HU – CAS, Faculdade de Medicina) e a rotatória da Rua José Lourenço Kelmer com a Avenida Pedro Henrique Krambeck, foram definidas como pontos críticos pela Settra e por isso contarão com a presença de agentes de trânsito e policiais militares.

Com informações da Secom-UFJF

Sábado, 22 de março de 2014, atualizada às 10h43

UFJF aplica provas do concurso público para técnicos neste domingo. Confira as orientações

TAE

Neste domingo, 23 de março, a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) aplica as provas do concurso de técnico-administrativos em educação, a partir das 14h, em 16 pontos da cidade. Os 18.397 inscritos para as 150 vagas ofertadas (confira a relação) devem ficar atentos às orientações para evitar transtornos na última hora. O local da prova já foi informado aos candidatos no comprovante definitivo de inscrição.

O candidato deve chegar com antecedência ao local de prova, já que os portões serão fechados às 14h e não haverá tolerância. Também é importante checar previamente toda a documentação e não deixar para imprimir o comprovante na última hora. Nenhum candidato será admitido em sala se não estiver munido de documento de identidade original e válido. Não serão aceitas cópias, ainda que autenticadas.

Acessórios proibidos

Os candidatos também não devem levar celular, MP3, fones de ouvido ou qualquer outro dispositivo eletrônico. Fiscais e demais envolvidos no concurso não irão guardar ou mesmo informar onde os aparelhos poderão ser deixados. Serão utilizados detectores de metais nos locais de prova e também serão retiradas fotos das salas de aula.

A única bebida admitida em sala é água em garrafa transparente. Não será permitido refrigerante ou qualquer outro líquido que não seja transparente. Além disso, adornos, acessórios de cabelo, chapéus, bonés, óculos escuros e relógios de qualquer tipo também não serão admitidos. Candidatos com cabelos compridos devem mantê-los presos e de forma a deixar as orelhas descobertas.

Durante a realização das provas, somente será permitido o uso de caneta com corpo transparente, de cor azul ou preta, as mesmas que deverão ser usadas para o preenchimento do cartão de respostas. Conforme o edital, a Copese fornecerá canetas aos candidatos e não será permitida a utilização de lápis ou borracha, e nem de canetas dos próprios candidatos.

Provas

Nessa primeira etapa, será aplicada uma prova teórica composta de 60 questões de conhecimentos gerais e específicos, totalizando 120 pontos. Confira a distribuição das questões no edital. A duração do exame é de quatro horas. E os candidatos só poderão deixar as salas após uma hora e 30 minutos a partir do início efetivo.

Para os cargos que exigem prova prática, o resultado dos selecionados, para a segunda etapa será divulgado no dia 15 de abril no site da Copese. Na mesma data, também serão informados os locais e horários para a aplicação da avaliação prática agendada para o dia 26 de abril. O resultado da prova prática estará disponível no dia 16 de maio.

Paralisação não afetará cronograma do concurso

Mesmo com a paralisação dos servidores públicos, a presidente da Comissão de Acompanhamento dos Concursos de TAEs, Débora Lipp, explica que a paralisação dos servidores não afetará o cronograma de realização do concurso. "O concurso transcorrerá normalmente como previsto nos editais."

Em nota, o Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino no Município de Juiz de Fora (Sintufejuf), informa que a greve realizada pela categoria não irá interferir na realização do concurso, tendo em vista que uma das reivindicações da categoria é por mais concursos públicos, e a consequente diminuição dos setores terceirizados.

Trânsito e segurança

Faixas já foram instaladas no campus para orientar os candidatos quanto às unidades onde farão provas. A UFJF orienta que os condutores evitem o tráfego na região do campus entre 12h e 18h. Para garantir a segurança e a fluidez do trânsito a Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) e a Polícia Militar organizaram um esquema especial para atender a demanda no domingo.

Linhas extras

De acordo com a Settra, a partir das 7h, as linhas com destino ao campus universitário e ao Colégio de Aplicação João XXIII contarão com ônibus extras. Serão mais de dez ônibus das linhas 510 (Dom Bosco), 545 e 555 (Universidade), 221 e 222 (Santa Catarina/Bom Pastor) e 755 (zona norte/UFJF).

A partir das 11h30, a linha 510 (Dom Bosco) sairá do Centro, na Avenida Barão do Rio Branco, em frente ao Parque Halfeld, com destino à Universidade. As linhas 545 e 555 contarão com oferta de ônibus das empresas Tusmil, Santa Luzia e São Francisco, e atendendo ao Campus, a partir das 7h30 até as 18h, saindo da Avenida Getúlio Vargas, no cruzamento com a Rua São João.

Trajeto e interdições

Saindo do centro com destino ao bairro, o trajeto da linha 555 (Universidade) será feito da seguinte forma: Avenida Getúlio Vargas com Rua São João, Praça Antônio Carlos, Travessa Doutor Prisco, Avenida Francisco Bernardino, ruas Benjamin Constant, Santo Antônio e Paula Lima, Avenida dos Andradas, Rua Engenheiro José Carlos Moraes Sarmento, Trevo Vale Ipê, Estrada Gentil Forn, ruas Luiz Zuddio, José Kirchmaier e José Lourenço Kelmer, pórtico norte, Faculdade de Engenharia, anel viário, Faculdade de Saúde e ponto final.

Devido a realização do concurso da UFJF, o trânsito na altura do bairro São Pedro sofrerá algumas alterações durante o horário das 12h às 19h. Algumas ruas serão interditadas para que sirvam como estacionamento. Confira as ruas que serão interditadas: Adolpho Kirchmaier, entre a José Lourenço Kelmer e a Avenida Pedro Henrique Krambeck; Virgulino João da Silva, entre a José Lourenço Kelmer e a Avenida Pedro Henrique Krambeck; Joaquim Caetano, entre as ruas Adolpho Kirchmaier e Virgulino João da Silva; Pedro Gerhein, entre as ruas Joaquim Caetano e João Lourenço Kelmer; e José Almério Oliveira, entre as ruas Virgulino João da Silva e Pedro Gerheim.

O trecho entre o portão norte da UFJF e o trevo do Jardim Casablanca funcionará em mão única. O sentido da Rua Lauro Teles de Mesquita e os veículos vindos do Centro com destino a UFJF será invertido, desse o modo, os condutores deverão realizar o seguinte trajeto: Avenida Pedro Henrique Krambeck e ruas Lauro Teles de Mesquita e José Lourenço Kelmer.

As avenidas Pedro Henrique Krambeck, com Rua Virgulino João da Silva; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Adolpho Kirchmaier; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Lauro Teles de Mesquita; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Antônio Rufino; Presidente Costa e Silva, com Rua Antônio Rufino; Presidente Costa e Silva, com Rua Lauro Teles de Mesquita; Presidente Costa e Silva, com Rua José Lourenço Kelmer; Rua José Lourenço Kelmer, com Adolpho Kirchmaier; avenidas Presidente Itamar Franco, com Rua Vicente Beghelli; Avenida Presidente Itamar Franco, com Estrada Dom Orione; Estrada Dom Orione/Entrada do Hospital Universitário – Centro de Atenção à Saúde (HU – CAS, Faculdade de Medicina) e a rotatória da Rua José Lourenço Kelmer com a Avenida Pedro Henrique Krambeck, foram definidas como pontos críticos pela Settra e por isso contarão com a presença de agentes de trânsito e policiais militares.

Com informações da Secom-UFJF

-
Sábado, 22 de março de 2014, atualizada às 10h43

UFJF aplica provas do concurso público para técnicos neste domingo. Confira as orientações

TAE

Neste domingo, 23 de março, a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) aplica as provas do concurso de técnico-administrativos em educação, a partir das 14h, em 16 pontos da cidade. Os 18.397 inscritos para as 150 vagas ofertadas (confira a relação) devem ficar atentos às orientações para evitar transtornos na última hora. O local da prova já foi informado aos candidatos no comprovante definitivo de inscrição.

O candidato deve chegar com antecedência ao local de prova, já que os portões serão fechados às 14h e não haverá tolerância. Também é importante checar previamente toda a documentação e não deixar para imprimir o comprovante na última hora. Nenhum candidato será admitido em sala se não estiver munido de documento de identidade original e válido. Não serão aceitas cópias, ainda que autenticadas.

Acessórios proibidos

Os candidatos também não devem levar celular, MP3, fones de ouvido ou qualquer outro dispositivo eletrônico. Fiscais e demais envolvidos no concurso não irão guardar ou mesmo informar onde os aparelhos poderão ser deixados. Serão utilizados detectores de metais nos locais de prova e também serão retiradas fotos das salas de aula.

A única bebida admitida em sala é água em garrafa transparente. Não será permitido refrigerante ou qualquer outro líquido que não seja transparente. Além disso, adornos, acessórios de cabelo, chapéus, bonés, óculos escuros e relógios de qualquer tipo também não serão admitidos. Candidatos com cabelos compridos devem mantê-los presos e de forma a deixar as orelhas descobertas.

Durante a realização das provas, somente será permitido o uso de caneta com corpo transparente, de cor azul ou preta, as mesmas que deverão ser usadas para o preenchimento do cartão de respostas. Conforme o edital, a Copese fornecerá canetas aos candidatos e não será permitida a utilização de lápis ou borracha, e nem de canetas dos próprios candidatos.

Provas

Nessa primeira etapa, será aplicada uma prova teórica composta de 60 questões de conhecimentos gerais e específicos, totalizando 120 pontos. Confira a distribuição das questões no edital. A duração do exame é de quatro horas. E os candidatos só poderão deixar as salas após uma hora e 30 minutos a partir do início efetivo.

Para os cargos que exigem prova prática, o resultado dos selecionados, para a segunda etapa será divulgado no dia 15 de abril no site da Copese. Na mesma data, também serão informados os locais e horários para a aplicação da avaliação prática agendada para o dia 26 de abril. O resultado da prova prática estará disponível no dia 16 de maio.

Paralisação não afetará cronograma do concurso

Mesmo com a paralisação dos servidores públicos, a presidente da Comissão de Acompanhamento dos Concursos de TAEs, Débora Lipp, explica que a paralisação dos servidores não afetará o cronograma de realização do concurso. "O concurso transcorrerá normalmente como previsto nos editais."

Em nota, o Sindicato dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Instituições Federais de Ensino no Município de Juiz de Fora (Sintufejuf), informa que a greve realizada pela categoria não irá interferir na realização do concurso, tendo em vista que uma das reivindicações da categoria é por mais concursos públicos, e a consequente diminuição dos setores terceirizados.

Trânsito e segurança

Faixas já foram instaladas no campus para orientar os candidatos quanto às unidades onde farão provas. A UFJF orienta que os condutores evitem o tráfego na região do campus entre 12h e 18h. Para garantir a segurança e a fluidez do trânsito a Secretaria de Transporte e Trânsito (Settra) e a Polícia Militar organizaram um esquema especial para atender a demanda no domingo.

Linhas extras

De acordo com a Settra, a partir das 7h, as linhas com destino ao campus universitário e ao Colégio de Aplicação João XXIII contarão com ônibus extras. Serão mais de dez ônibus das linhas 510 (Dom Bosco), 545 e 555 (Universidade), 221 e 222 (Santa Catarina/Bom Pastor) e 755 (zona norte/UFJF).

A partir das 11h30, a linha 510 (Dom Bosco) sairá do Centro, na Avenida Barão do Rio Branco, em frente ao Parque Halfeld, com destino à Universidade. As linhas 545 e 555 contarão com oferta de ônibus das empresas Tusmil, Santa Luzia e São Francisco, e atendendo ao Campus, a partir das 7h30 até as 18h, saindo da Avenida Getúlio Vargas, no cruzamento com a Rua São João.

Trajeto e interdições

Saindo do centro com destino ao bairro, o trajeto da linha 555 (Universidade) será feito da seguinte forma: Avenida Getúlio Vargas com Rua São João, Praça Antônio Carlos, Travessa Doutor Prisco, Avenida Francisco Bernardino, ruas Benjamin Constant, Santo Antônio e Paula Lima, Avenida dos Andradas, Rua Engenheiro José Carlos Moraes Sarmento, Trevo Vale Ipê, Estrada Gentil Forn, ruas Luiz Zuddio, José Kirchmaier e José Lourenço Kelmer, pórtico norte, Faculdade de Engenharia, anel viário, Faculdade de Saúde e ponto final.

Devido a realização do concurso da UFJF, o trânsito na altura do bairro São Pedro sofrerá algumas alterações durante o horário das 12h às 19h. Algumas ruas serão interditadas para que sirvam como estacionamento. Confira as ruas que serão interditadas: Adolpho Kirchmaier, entre a José Lourenço Kelmer e a Avenida Pedro Henrique Krambeck; Virgulino João da Silva, entre a José Lourenço Kelmer e a Avenida Pedro Henrique Krambeck; Joaquim Caetano, entre as ruas Adolpho Kirchmaier e Virgulino João da Silva; Pedro Gerhein, entre as ruas Joaquim Caetano e João Lourenço Kelmer; e José Almério Oliveira, entre as ruas Virgulino João da Silva e Pedro Gerheim.

O trecho entre o portão norte da UFJF e o trevo do Jardim Casablanca funcionará em mão única. O sentido da Rua Lauro Teles de Mesquita e os veículos vindos do Centro com destino a UFJF será invertido, desse o modo, os condutores deverão realizar o seguinte trajeto: Avenida Pedro Henrique Krambeck e ruas Lauro Teles de Mesquita e José Lourenço Kelmer.

As avenidas Pedro Henrique Krambeck, com Rua Virgulino João da Silva; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Adolpho Kirchmaier; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Lauro Teles de Mesquita; Pedro Henrique Krambeck, com Rua Antônio Rufino; Presidente Costa e Silva, com Rua Antônio Rufino; Presidente Costa e Silva, com Rua Lauro Teles de Mesquita; Presidente Costa e Silva, com Rua José Lourenço Kelmer; Rua José Lourenço Kelmer, com Adolpho Kirchmaier; avenidas Presidente Itamar Franco, com Rua Vicente Beghelli; Avenida Presidente Itamar Franco, com Estrada Dom Orione; Estrada Dom Orione/Entrada do Hospital Universitário – Centro de Atenção à Saúde (HU – CAS, Faculdade de Medicina) e a rotatória da Rua José Lourenço Kelmer com a Avenida Pedro Henrique Krambeck, foram definidas como pontos críticos pela Settra e por isso contarão com a presença de agentes de trânsito e policiais militares.

Com informações da Secom-UFJF