• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Terça-feira, 24 de março de 2020, atualizada às 12j20

    Sindicato solicita fechamento das agências bancárias em Juiz de Fora

    Da redação

    O Sindicato dos Trabalhadores do Ramo Financeiro da Zona da Mata e Sul de Minas (Sintraf) determinou o fechamento imediato das agências bancárias em Juiz de Fora e região. A nota justifica, "o agravamento da situação da saúde em nosso estado de Minas Gerais com a pandemia da COVID-19, o novo coronavírus. Tal medida se faz necessária afim de conter o alastramento do vírus, pois sabemos que as agências são um polo de propagação do vírus, tendo em vista circulação de pessoas, dinheiro, papeis, além da ausência de janelas, dificultando a circulação de ar".

    Além disso, o sindicato destacou que há casos de pessoas contaminadas pela COVID-19 em agências bancárias. Entretanto, a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) ressaltou que as agências bancárias vão permanecer abertas, com atendimento aos seus clientes, priorizando os públicos mais vulneráveis, como o de aposentados e pensionistas. "Cumprindo orientação do Banco Central para enfrentar as dificuldades trazidas pela pandemia de coronavírus, os bancos deverão, pontualmente e por períodos limitados de tempo, alterar horários de atendimento ou suspender serviços em agências selecionadas. Os clientes serão informados adequadamente pelos canais de comunicação de cada banco. O setor se compromete a assegurar a prestação de serviços essenciais".

    De acordo com a Febraban, pela Internet os usuários podem fazer, com segurança, pagamento de contas, consulta de saldos e extratos, transferências financeiras, agendamento de pagamentos e contratação de serviços e empréstimos, entre outros. "Ao evitar voluntariamente ir às agências bancárias, todos colaborarão para que os bancos possam priorizar o atendimento aos grupos mais vulneráveis, protegendo todos, inclusive os bancários, com a redução do fluxo de pessoas necessária aos esforços contra a disseminação do vírus COVID-19".

    Caixa reduz horário

    A partir desta terça-feira, 24 de março, as agências passarão a funcionar em horário diferenciado, das 10h às 14h, e restrito apenas aos casos que não podem ser tratados pelo atendimento telefônico ou pelos aplicativos do banco para celular e demais serviços digitais. A medida reforça as ações para melhorar a segurança de todos os clientes, colaboradores e parceiros da Caixa no contexto da pandemia de COVID-19.

    O banco manterá a abertura antecipada em uma hora de 1.619 agências, exclusivamente para os atendimentos de clientes de grupo de risco. A lista dessas unidades pode ser consultada no seguinte endereço: www.caixa.gov.br/caixacomvoce/Paginas/default.aspx.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.