• Assinantes
  • Autenticação
  • Cidade
    Sexta-feira, 16 de outubro de 2020, atualizada às 8h50

    Juiz de Fora avança para a Onda Verde do Minas Consciente

    Da redação

    Juiz de Fora vai avançar para a Onda Verde do "Minas Consciente". A decisão foi tomada após uma reunião do Comitê Municipal da Prefeitura. A medida deve entrar em vigor na próxima quarta-feira, dia 21 de outubro, com a publicação de um novo decreto. Atualmente a cidade está na Onda Amarela.

    Segundo a assessoria, "o avanço ocorreu após melhora nos índices da doença na cidade, com diminuição de 21% no número de casos confirmados. Nesta semana, a média de notificações positivas é de 29. Na última, era de 36.

    Nessa quinta-feira, 15, a Secretaria de Saúde (SS) registrou a 247ª morte pelo novo coronavírus no município. A vítima é uma idosa, de 80 anos. Como comorbidades, ela apresentava Diabetes Mellitus (DM) e Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS). O óbito foi registrado nesta quarta, 14.

    Com as atualizações, 33 novos casos de pessoas infectadas foram confirmados, totalizando 6.553. Mais 197 novas suspeitas foram registradas, contabilizando 23.834. Todos os dados são referentes a moradores de Juiz de Fora.

    A Onda Verde possibilita a abertura de serviços não essenciais com alto risco de contágio. São eles:

    • Atividades artísticas, como produção teatral, musical e de dança e circo;
    • Cinemas, bibliotecas, museus, arquivos;
    • Parques, zoológicos e jardins;
    • Feiras, congressos, exposições, filmagens de festas, casas de festas, bufê;
    • Parques de diversão, discotecas, boliches, sinuca;
    • Bares com entretenimento (shows e espetáculos);
    • Serviços de colocação de piercings e tatuagens.

      *Para avançar para a onda verde, as cidades precisam estar há 28 dias consecutivos na onda amarela, sem sofrer retrocessos durante esse período.

    Avanço em Minas

    Pela primeira vez desde o lançamento do plano Minas Consciente, metade das macrorregiões de Saúde de Minas Gerais - o que representa 8 das 14 macros - está inserida na onda verde, a mais avançada do plano. A definição foi deliberada em reunião do Comitê Extraordinário Covid-19, nesta quarta-feira, 14, após análise dos bons índices epidemiológicos mantidos no estado nesta fase da pandemia.

    As alterações permitiram que as macrorregiões Triângulo do Norte, Sudeste, Noroeste e Centro sejam autorizadas a evoluir para a onda verde, após passarem 28 dias na onda amarela com índices estáveis. Além delas, as macros Triângulo do Sul, Centro-Sul, Norte e Jequitinhonha se mantiveram na onda verde. Esse é o estágio mais avançado do plano, com retorno de atividades escolares, abertura de parques e feiras.

    Há duas semanas sem nenhuma região na onda vermelha, cenário em que se permite apenas o funcionamento de serviços essenciais - como supermercados, padarias e farmácias -, as demais macrorregiões do estado permanecem na onda amarela. Nesta fase, é permitida a abertura de academias, clubes e bares, por exemplo.

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.