Homem, de 32 anos, é liberado de cárcere privado na Zona Rural de Juiz de Fora

da Redação - 01/02/2021

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) resgatou, na última sexta-feira, 29 de janeiro, um homem, de 32 anos, que era mantido em cárcere e sofrendo maus tratos, na Zona Rural de Juiz de Fora, Zona da Mata. Assim que receberam a denúncia, os policiais se deslocaram para o local e encontraram a vítima acorrentada e com lesões por todo o corpo. Dois homens, de 20 e 35 anos, foram presos em flagrante no local.

Conforme informações do titular da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos, delegado Rogério Woyame, no local os policiais constataram que o homem foi acorrentado para ficar na cama em um quarto no sítio e apresentava muitas lesões pelo corpo, resultantes tanto de agressão quanto do uso das correntes. A vítima estava sentindo muitas dores e ainda estava muito confusa, mas informou aos policiais que os dois homens que foram presos eram os responsáveis pelos maus tratos.

Abusos na correção

De acordo com as investigações, "a vítima é dependente química e foi levada para o local para ficar longe das drogas. Contudo, estava tendo grande sofrimento no local, onde era preso por uma corrente ao tornozelo e, pelas lesões constatadas, havia sofrido grave violência. A vítima foi socorrida ao hospital local pela equipe da Polícia Civil, sendo constatado também um braço quebrado pela equipe médica. As investigações seguem em andamento para conclusão do inquérito policial".


Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.