Cesama não fará corte de água para categorias residencial e social

Decreto assinado pela prefeita Margarida Salomão é valido para os próximos 90 dias

da Redação - 25/03/2021

A prefeita de Juiz de Fora, Margarida Salomão, assinou, na tarde desta quarta-feira, 24, um decreto determinando que os serviços de água e esgoto não sejam suspensos por inadimplência pelos próximos 90 dias no município, para as categorias residencial e social. Desta forma, não haverá cortes no fornecimento de água ou suspensão dos serviços de coleta de esgoto para os usuários dessas categorias no período.  

Na semana em que se comemora o Dia Mundial da Água, a iniciativa é um importante reconhecimento sobre o papel fundamental do saneamento básico e desse recurso para o bem-estar e a qualidade de vida da população, especialmente durante a pandemia. O decreto 14.427 será publicado nos Atos do Governo desta quinta-feira, 25, e atende, ainda, a uma solicitação feita pelos vereadores Bejani Júnior (PODE) e Juraci Sheffer (PT) à Companhia de Saneamento Municipal (Cesama) da Prefeitura de Juiz de Fora (PJF).

A medida foi autorizada também pela Agência Reguladora Intermunicipal de Saneamento Básico de Minas Gerais (Arisb/MG), órgão regulador da Cesama, por meio da Nota Técnica 146/2021, que levou em conta para a decisão a manutenção do estado de emergência e calamidade decorrente da pandemia da Covid-19 em Juiz de Fora.

Segundo a prefeita, a sugestão dos vereadores foi acolhida “para que as pessoas que estão sem pagar suas contas de água não sejam castigadas, neste momento, com o corte desse serviço essencial”. O vereador Bejani Júnior evidenciou que “esse é o atendimento a um pedido da população, principalmente dos mais carentes, que estão sofrendo com os efeitos socioeconômicos dessa pandemia devastadora”.

Negociação de débitos

Desde o início da pandemia, a Cesama tem dado atenção especial à negociação de débitos, de acordo com as normas da companhia, levando em conta as condições socioeconômicas de cada usuário. Atualmente, os pedidos de análise para parcelamento estão sendo feitos, exclusivamente, via WhatsApp e Telegram, pelo número 98420-5396.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.