Cursinho Popular Garra abre vagas para psicólogos

São oferecidas cinco vagas, e o trabalho será realizado de forma remota

da Redação - 23/06/2021

Estão abertas as inscrições para profissionais de Psicologia que tenham interesse em ser colaborador externo do Cursinho Popular Garra da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). O candidato precisa ter formação em Psicologia, registro ativo no Conselho Regional de Psicologia, possuir disponibilidade para atuar até o final de 2021 e não é necessário ser vinculado à UFJF. As inscrições devem ser realizadas por meio deste formulário eletrônico até o próximo dia 29. Confira o edital.

São oferecidas cinco vagas, e o trabalho será realizado de forma remota devido a pandemia. O candidato que for efetivado realizará atendimento individual on-line para os alunos do cursinho durante o período de pré-vestibular, assim como participará de rodas de conversas sobre saúde mental e preparação para a prova.

O processo seletivo será realizado em duas etapas. A primeira corresponde ao preenchimento do formulário e à avaliação curricular. Na segunda, será realizada entrevista na qual serão abordados conhecimentos sobre o objeto do projeto em questão; adequação do perfil profissional à vaga; capacidade de trabalhar em equipe; facilidade de comunicação e experiência com o público-alvo; também será avaliado se o candidato está alinhado com os propósitos e valores da Garra. O resultado será divulgado no dia 5 de julho no site do Garra e nas redes sociais do projeto.

A necessidade de trazer um psicólogo para a equipe do Garra surge em parte baseado em pesquisas que indicam que a época pré-vestibular costuma ser prejudicial para a saúde mental do aluno, e que a pressão embutida ao redor da prova acaba gerando problemas emocionais como depressão e ansiedade. Também ocorre uma demanda desse tipo de atendimento por parte dos alunos, e como não possuem condições de arcar financeiramente com terapeutas, a solução foi abrir o edital para colaboradores externos.

Segundo a diretora de Comunicação do Garra, Carolina Rodrigues, alguns possuem demandas mais específicas que o cursinho não pode suprir por necessidade de um profissional. “Sabemos que a parte emocional é de grande importância no período pré-vestibular e acreditamos que disponibilizar o atendimento psicológico é imprescindível para que possamos ajudar cada um da melhor forma possível. E tendo em vista a necessidade encontrada todos os anos, o quanto o psicológico afeta os nossos alunos no ano de vestibular, e a impossibilidade do Garra ou de qualquer aluno arcar financeiramente com essas terapias, vimos a importância da abertura de um edital para colaboradores externos”, conclui.

Garra

O Garra é um cursinho popular que auxilia pessoas em vulnerabilidade socioeconômica a se preparar para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). É  organizado por estudantes da UFJF e vinculado à Pró-Reitoria de Extensão (Proex) desde 2017. O objetivo é democratizar o acesso ao ensino superior para pessoas de baixa renda de Juiz de Fora e região. No período de pandemia, as aulas, plantões de monitoria, grupo de estudo e roda de conversa acontecem inteiramente na modalidade on-line.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.