Comprovante de vacinação contra Covid-19 começa a ser cobrado em entrada de eventos

Este foi o primeiro fim de semana depois da flexibilização

da Redação - 05/10/2021

Entre os dias 30 de setembro e 2 de outubro, a equipe de fiscalização do programa “JF Viva” vistoriou 149 estabelecimentos em Juiz de Fora. Durante as rondas noturnas e diurnas, foram emitidos 39 documentos, entre notificações, termos de intimação e outras diligências fiscais.

Este foi o primeiro fim de semana depois da flexibilização do novo decreto em que a equipe cobrou a aplicação das novas regras, incluindo o protocolo de exigência do cartão com o esquema vacinal (Covid-19) completo na entrada dos eventos de entretenimento e outros setores.

“Cabe aos estabelecimentos realizar o controle de clientes, verificando a apresentação do cartão de vacina ou do aplicativo “Conecte SUS” com o esquema de vacinação completo ou em dia, conforme as atividades licenciadas. Este procedimento tem por objetivo garantir a segurança sanitária de todos os frequentadores e colaboradores durante o processo de retomada das atividades”, ressaltou o gerente de Fiscalização da Secretaria de Sustentabilidade em Meio Ambiente e Atividades Urbanas (Sesmaur), Cláudio Peronelli.

A operação conta com fiscais de posturas da Secretaria de Sustentabilidade em Meio Ambiente e Atividades Urbanas (Sesmaur); dos Guardas Municipais, da Secretaria de Segurança Urbana e Cidadania (Sesuc); dos Agentes de Transporte e Trânsito da Secretaria de Mobilidade Urbana (SMU) e da Polícia Militar (PMMG). As ações são coordenadas pela secretária de Governo, Cidinha Louzada.

Informações e denúncias:

WhatsApp: (32) 3690-7984 - Atendimento 24 horas por dia por meio de envio de mensagens.

Procon Whatsapp: 98463-2687 / 3690-7610/7611.

Vigilância Sanitária: 3690-7472 (8h às 12h e 13h às 17h).

Guarda Municipal: 153.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.