SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O irmão de Marília Mendonça, João Gustavo, 21, afirmou que não pretende mais voltar a cantar. Ele confessou que não estava feliz em seguir a carreira de músico. Em setembro, ele anunciou o fim da dupla sertaneja Dom Vittor e Gustavo.

Ao abrir uma caixinha de perguntas no Instagram, João Gustavo foi questionado se ele vai voltar a cantar. "Acho que é a pergunta que mais tem aqui, essa se eu vou voltar a cantar. Não vou voltar a cantar. Não tenho esse plano. Não estava me fazendo bem. Não estava feliz e é isso, rapaziada. Está tudo bem", declarou.

Em setembro, em um comunicado no Instagram, a dupla falou sobre o encerramento das atividades após quase dois anos de trabalho.

"Um sonho compartilhado entre os parceiros e Marília Mendonça, que com brilho nos olhos via o irmão seguindo seus passos. Por vontade de Deus, ela não pode ver Gustavo e o seu parceiro no palco. Logo depois da tragédia que levou Marília, João Gustavo imaginou que na estrada poderia de alguma maneira seguir em frente, mas não foi bem assim", começou.

Em seguida, o texto diz que Gustavo não conseguiu viver o luto que precisava pela perda da irmã. "Na estrada, ele sentiu a saudade 'gritar', as lembranças da irmã do tio, o luto mal vivido lhe trouxeram uma carga emocional muito forte, desencadeando uma depressão, além de esofagite aguda", afirmou.

Por estes motivos, João Gustavo precisou se cuidar, tratar de saúde física e mental. Em virtude disso, e para não prejudicar seu parceiro Dom Vittor, por quem nutre carinho e admiração, ele decidiu não seguir com a dupla.

"Chegou a hora de me cuidar, entender tudo o que aconteceu, viver o que não vivi, para poder seguir. Não sei se na música, hoje me sinto incapaz de tomar uma decisão olhando para o futuro. A minha prioridade é ficar perto da minha mãe, do meu sobrinho e acima de tudo de mim mesmo", destacou Gustavo.