• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Michel Teló emplaca três hits em dois anos de carreira solo O cantor e compositor conta que, no final deste ano, lançará o DVD Michel na Balada. Além disso, revela planos de levar seu trabalho para o exterior

    Aline Furtado
    Repórter
    14/10/2011

    "Assim você me mata. Ai se eu te pego, ai ai se eu te pego." O som que está na boca de todo o Brasil é mais um dos grandes sucessos do cantor e compositor Michel Teló, que já emplacou outros dois hits, Ei psiu, beijo me liga e Fugidinha ao longo dos seus dois anos de carreira solo, iniciada em agosto de 2009. Nascido em medianeira (Paraná), o jovem de 30 anos foi criado em Campo Grande (Mato Grande do Sul). Fez parte de alguns grupos musicais, mas foi durante o tempo em que esteve no grupo Tradição que ganhou popularidade, estourando pelo país com as músicas Barquinho e O Caldeirão.

    Em entrevista ao Portal ACESSA.com, Teló conta que seu contato com a música teve início quando ainda era criança. Sua carreira já contabiliza 17 anos. "Fui criado no meio da música, minha família inteira gosta de música. Fazemos muita festa e as canções nunca podem faltar", afirma ele, instrumentista de gaita e flauta. Com relação a sua saída do Tradição, Teló afirma que fazer parte do grupo trouxe muito aprendizado. "Eu precisava expressar meu próprio estilo. No grupo, os gostos eram muito distintos, o que fazia com que um acordo fosse sempre necessário."

    Mas uma coisa é certa. O alto-astral que sempre acompanhou o Tradição continua com o cantor, o que ele justifica por meio da intenção de levar alegria e amor ao seu público. E consegue. A resposta está no sucesso de suas músicas. "Não existe segredo para um som emplacar. Deus é que abençoa. Quando decidimos gravar algo, não temos como saber se será sucesso ou não. O nosso termômetro é o público. Acredito que Deus prepara tudo na hora certa." Por falar em público, Teló revela que adora se comunicar com os fãs. "Uma das melhores formas é por meio das redes sociais."

    Com tanto sucesso e diante de uma agenda lotada de shows, Teló conta que sempre dá um jeito de aproveitar o tempo livre. A programação? Festas com a família. "Quando tenho tempo, fico com minha família, fazendo churrasco, tocando muita moda de viola ou fazendo algo que amo, que é pescar." Com muitos planos para o futuro, o sertanejo conta que, no final deste ano, lançará o DVD Michel na Balada. E para quem pensa que para por aí, ele adianta que pretende ampliar seu trabalho, cada vez mais no Brasil. "E depois, sim, fazer algum trabalho no exterior." O primeiro DVD do cantor, Michel Teló - Ao Vivo, gravado em Lajes (Santa Catarina), chegou a reunir 50 mil pessoas.

    Michel Teló Michel Teló
    Sertanejo com axé

    Teló é um dos artistas da nova geração responsáveis por unir a música sertaneja ao axé. Segundo ele, a mistura deu certo, o que demonstra duas grandes forças. "O sertanejo tem, em si, toda uma bagagem, por se tratar de uma importante vertente da música brasileira. Enquanto isso, o axé é um ritmo extremamente contagiante. Juntando um com o outro, o resultado não poderia ser diferente do sucesso."

    Teló em JF

    Neste sábado, 15 de outubro, o cantor se apresenta, pela segunda vez, em Juiz de Fora, no Parque de Exposições. "Espero que o povo dê uma Fugidinha para o show, onde a diversão estará garantida." E, por falar no hit, ao ser questionado sobre com quem daria uma fugidinha, Teló declarou "Nossa! Com a Demi Moore. Nada bobo o garoto!"

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.