• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Terça-feira, 19 de agosto de 2008, atualizada às 12h40

    Moviecom vai deixar de operar em Juiz de Fora. Administração do Shopping Alameda negocia com novas empresas

    Daniele Gruppi
    Repórter

    A administração do shopping Alameda já negocia com novas operadoras de cinema a substituição das atividades da Moviecom. A empresa anunciou que deixará de funcionar em Juiz de Fora no dia 30 de agosto.

    Segundo o gerente geral do Alameda, Ricardo Coppus, a Moviecom tinha contrato com o shopping até 2010, mas optou por antecipar o encerramento alegando não ter interesse em disputar o mercado na cidade com o novo cinema UCI Kinoplex, inaugurado em maio de 2008.

    A subgerente da Moviecom em Juiz de Fora, Adriana de Paula, alega que houve queda no movimento e que por inviabilidade comercial a empresa vai finalizar as atividades.

    Para Coppus, existe mercado para continuar a exibição de filmes no Alameda. Atualmente, o espaço conta com cinco salas, totalizando 895 assentos. O gerente afirma que há um projeto para revitalizar o cinema. "Existem duas salas no formato stadium, queremos fazer reformas e passar para quatro", revela. Coppus também diz que existe um projeto de expansão para o shopping.

    Situação do Palace

    Os gestores do Espaço Unibanco Palace ameaçaram fechar as portas no início do ano. Segundo o vereador Flávio Checker, os administradores seguem em negociação com a Prefeitura. Os responsáveis Flávio Ferraz e Adhemar Oliveira não foram encontrados para falar sobre o assunto.

    Cine Excelsior

    O Cine Excelsior completa cinqüenta anos. Entretanto, está desativado e quem passa pelo local vislumbra um imóvel abandonado e mal cuidado. Checker afirma que o local está degradado e insalubre. "Precisando de uma reestruturação urgente".

    Há três anos, o vereador entrou com um processo administrativo para declaração do Cine Excelsior como bem de interesse cultural no Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Cultural (Comppac). Outras tentativas foram feitas com o mesmo objetivo, mas não houve sucesso. "A intenção é proteger a utilização do imóvel para que não seja destinado para fins comerciais".

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.