• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Segunda-feira, 13 de outubro de 2008, atualizada às 11h

    Música predomina entre os filmes já confirmados para o Festival Primeiro Plano. Dos cinco confirmados, três falam sobre a trajetória de músicos

    Marinella Souza
    *Colaboração

    O Festival Primeiro Plano divulga os primeiros filmes cujas apresentações já foram confirmadas em Juiz de Fora. São cinco obras que seguem o critério básico do Festival, ou seja, serem produções de diretores estreantes.

    Segundo o coordenador de mídia e divulgação do Primeiro Plano, Nilson Alvarenga, esse é o primeiro passo para que a produção seja exibida. "Primeiro a gente conversa com o diretor estreante e depois parte para as distribuidoras, que muitas vezes seguram o filme. Nem sempre é fácil conseguir", explica.

    Para Alvarenga, os confirmados até agora trazem uma grata surpresa. "São quase todos filmes lançados por pessoas conhecidas e sobre música. Isso foi mera coincidência, uma feliz coincidência". Dos cinco, três narram trajetórias de artistas ligados à música.

    Nomes ligados as artes cênicas como Patrícia Pillar e à música, como Branco Mello, estréiam como diretores e suas produções estão entre as confirmadas para o Festival Primeiro Plano. Mello abre o evento, no dia 27 de outubro, quando o público vai conhecer o seu Titãs - A vida até parece uma festa, uma parceria do músico com o diretor de comerciais e videoclipes, Oscar Rodrigues Alves.

    O filme conta a trajetória dos Titãs sob a lente de Branco Mello, que desde 1984 faz imagens do grupo. O filme de Patrícia Pillar conta a história do maior ídolo da música brega, Waldick Soriano. Em Waldick, para sempre no meu coração, Patrícia rende a última homenagem ao cantor, que morreu em setembro de 2008. O filme será exibido no dia 1º de novembro.

    Já o longa Noel - Poeta da Vida, do estreante Ricardo Von Steen, traz uma visão mais romanceada do sambista Noel Rosa e vai ser exibido no Cinema no Parque.

    Outras confirmações

    Alê Abreu apresenta o filme Garoto Cósmico na Sessão Escola, voltada para as crianças. Trata-se das descobertas de três crianças de um mundo futurista, que se perdem no espaço e encontram uma trupe de bonecas de sucata capitaneadas por um velho esquisito.

    O futuro também é a temática de "Wood & Stock: Sexo, Orégano e Rock'n'Roll, de Otto Guerra. Nessa animação, oito jovens estão comemorando a virada para 1972 quando, de repente, 30 anos se passam e os personagens se vêem enfrentando as dificuldades de um mundo individualista e extremamente consumista. A animação integra a mostra Panorama.

    O Primeiro Plano Festival de Cinema de Juiz de Fora e Mercocidades acontece entre os dias 27 de outubro e 02 de novembro de 2008.

    *Marinella Souza é estudante de Comunicação na UFJF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.