• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Juizforano concorre ao Prêmio Nacional de Cinema InfantilO único representante da cidade pode levar para casa o prêmio de R$ 5 mil

    Isabela Lobo
    Colaboração*
    16/8/2010

    O juizforano Acácio Alves (Cacinho) pode faturar o Prêmio Nacional de Cinema Infantil com o curta Asas da Liberdade. O cineasta, que participa do evento pela segunda vez, se diz confiante. "Estou confiante, pelo menos na opinião do público", afirma. O prêmio faz parte do Festival Internacional de Cinema Infantil, que já está em sua oitava edição. O objetivo é incentivar a produção nacional e aprimorar os filmes destinados ao público infantil.

    O curta chama atenção por seu enredo para lá de inusitado. Músicos trocam de lugar com pássaros. Dentro de uma gaiola, eles produzem sons encantadores, enquanto os pássaros os observam. Segundo Cacinho, o importante é mostrar para as crianças a contradição da cena.

    Acácio, que produz conteúdos para todas as idades, se diz motivado ao trabalhar para crianças. "Elas são muito transparentes e a reação delas é verdadeira", diz. O curta, inspirado em um cartoon do cineasta, tem cerca de dez minutos de duração. "Procuramos usar os recursos mais primitivos possíveis", acrescenta.

    O curta de animação foi um dos 29 selecionados entre 153 inscritos. Os filmes serão exibidos em mostras competitivas e não competitivas, nas categorias animação e ficção. Os jurados serão alunos do ensino médio de uma instituição do Rio de Janeiro. Os campeões levarão, além do troféu, R$ 5 mil em serviços. Na edição anterior do Prêmio, Cacinho participou apenas da mostra, com o curta História de João das Alfaces.

    Imagens do curta Cassinho

    Trajetória de Sucesso

    A história de Cacinho com animações não é recente. O  cineasta produz pelo menos dois curtas por ano e tem uma lista extensa de conquistas. Entre elas, Samba Morena, animação selecionada no concurso Conexão Vivo; Reciclando Ideias, melhor animação no Festival de Cinema e Vídeo e Mostra de Cinema de Guaíba/RS; 3º colocado nos festivais II Animaserra, em Teresópolis (RJ), e Primeiro Plano, em Juiz de Fora; além da produção do vídeo clipe da música Trem das onze, de Tom Zé.

    *Isabela Lobo é estudante do 8º período de Comunicação Social da UFJF.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.