• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura
    Quarta-feira, 16 de março de 2011, atualizada às 18h

    Projeto incentiva a valorização da obra de compositores locais e do estudo musical 

    Da Redação

    Estão abertas as inscrições para o Projeto Juiz de Fora Em Canto, uma iniciativa que destaca o trabalho de compositores locais e daqueles que tiveram sua produção centrada na cidade, além de incentivar o estudo musical. Ela tem como objetivo promover a formação musical de professores do 3º ao 5º ano da rede pública, por meio de técnicas do canto coral, da percepção musical e de obras de compositores juiz-foranos.

    Para participar, não é necessária formação prévia na área musical. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até 18 de março, no Centro de Formação do Professor (avenida Getúlio Vargas, 200), das 8h às 12h e das 14h às 18h.

    O curso é gratuito e contará com sete oficinas ao ano, sendo uma por mês. Os encontros serão sempre aos sábados, das 8h às 11h. A primeira aula ocorre já no próximo sábado, 19, no Anfiteatro João Carriço. Os demais serão realizados no Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM). Consta também no cronograma das atividades uma apresentação coletiva para concluir o trabalho.

    A cada encontro, os professores receberão o material didático para o curso, composto por um CD com as músicas gravadas, uma apostila com as letras das músicas e um breve histórico de cada compositor. Serão trabalhadas canções de domínio público e composições da autoria de Francisco Itaboray, Geraldo Pereira e Mamão.

    Nas oficinas, os professores poderão entrar em contato com os elementos fundamentais da música e o repertório que será trabalhado posteriormente nas escolas. O curso oferecerá formação básica para que os participantes se sintam seguros ao lidar com essa área de conhecimento.

    Os textos são revisados por Thaísa Hosken

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.