Segunda-feira, 16 de janeiro de 2017, atualizada às 7h55

Conheça o Rei e a Rainha do Carnaval de Juiz de Fora

Da redação

Gracyele Rocha, eleita Rainha do Carnaval, tem 28 anos, é manicure e representa o Partido Alto. Eduardo Rodrigues, o Rei Momo, também tem 28 anos, é representante de atendimento e desfila independente. Ambos compartilham o sonho de desfilar pela Mangueira, no Carnaval carioca. Juntos, os dois compõem a Corte Real do Carnaval juiz-forano em 2017. Em entrevista ao Portal ACESSA.com, eles contaram um pouco da sua trajetória nos desfiles da cidade e contaram da emoção de serem eleitos para a Corte. Confira.

Como começou sua relação com o Carnaval? Você frequenta os desfiles há muito tempo?

Gracyele: Sempre gostei de samba, pois desde muito nova, eu ia nos ensaios ver o meu tio que tocava na bateria, e com isso, fui cada vez mais me apaixonando. Desde pequena, saía na ala das crianças. Já desfilei em várias escolas, mas a verde rosa é minha paixão. Estou com ela desde os meus 16 anos.

Eduardo: Minha relação com o Carnaval vem desde a infância, minha família sempre esteve presente nos desfiles. Sou nascido e criado no Bela Aurora, onde tem a Águia de Ouro, e sempre frequentei os ensaios. Já desfilei em quase todas as escolas e em vários departamentos: ala das crianças, ala dos adultos, comissão de frente, destaque em carro alegórico, até mesmo na harmonia.

Qual é o sentimento de ser eleito(a) Rainha/Rei Momo do Carnaval de Juiz de Fora?

Gracyele: Inexplicável, uma sensação única! Não tenho palavras pra descrever esse momento, um sonho realizado... Sabe a sensação de se sentir realizada? Hoje é assim que me sinto.

Eduardo: Foi uma emoção, não tem como explicar... é uma explosão de adrenalina, choro, riso. Fui aclamado pelo povo. Antes do resultado, o ginásio já gritava meu nome.

O que o Carnaval representa pra você?

Gracyele: É uma festa que traz muita alegria, muito brilho... Uma festa de família onde todos vão só com um objetivo: se divertir.

Eduardo: Vida. Sou apaixonado pelo Carnaval. É alegria.

Quem é sua maior inspiração no Carnaval?

Gracyele: Meu filho, minha família e meus amigos, que sempre me apoiaram e nunca me deixaram desistir.

Eduardo: Sou fã da Evelyn Bastos, rainha da minha escola, Estação Primeira de Mangueira, a qual pretendo um dia defender na Sapucaí.

Além do samba, você tem algum hobby? O que você gosta de fazer nas horas livres?

Gracyele: Dedico a estudar e à minha família. Quando posso, tiro um pouco do meu tempo pra descansar.

Eduardo: Gosto de uma boa conversa, um churrasco com amigos...


Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.