• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura
    Sexta-feira, 26 de janeiro de 2018, atualizada às 8h30

    Edital vai destinar R$ 16,5 milhões para produção de curtas e longas metragem

    Da redação

    O Governo do Estado lançou um novo edital para financiar a produção cinematográfica mineira. O concurso vai selecionar pelo menos 12 projetos inéditos e disponibilizar R$ 16,5 milhões. As inscrições já estão abertas e vão até o dia 4 de abril de 2018. O edital está publicado no site da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig).

    O edital de Produção e/ou Finalização de Obra Audiovisual de Curta e Longa-metragem 2018 traz novidades importantes em relação às seleções anteriores.

    A primeira delas é a inclusão da categoria Curta-Metragem: a previsão é contemplar três projetos de curta de ficção e dois de animação, com verba exclusiva da Codemig, com até R$ 100 mil por projeto. Caso o número de projetos selecionados seja inferior ao previsto ou na hipótese de os produtores reivindicarem valor menor de financiamento, a verba restante será direcionada para outros projetos, inclusive de outras categorias.

    Outra nova categoria, denominada Arranjos Produtivos Locais, contempla obras cuja etapa de produção se realize inteiramente em cidades do interior de Minas. O objetivo é descentralizar a produção mineira do audiovisual, promovendo a interiorização dos recursos. A nova categoria é a única que permite a participação de empresas de outros estados brasileiros, desde que em parceria com empresas sediadas em Minas Gerais.

    Por fim, a categoria longa-metragem de ficção será, pela primeira vez, desmembrada em Ficção I, voltada para obras que priorizem a atração de espectadores, sem prejuízo da qualidade artística e técnica, e Ficção II, destinada a obras que priorizem a busca de reconhecimento artístico e técnico no mercado nacional e internacional.

    Os projetos serão analisados de acordo com critérios como abordagem do tema, criatividade e originalidade, adequação ao público alvo e potencial de interesse, planejamento e viabilidade de realização, histórico de projetos do proponente e equipe, além da capacidade de fomentar o setor audiovisual em Minas Gerais. A Comissão de Avaliação será constituída por profissionais de notório saber ligados ao setor audiovisual.

    Podem se inscrever no edital para produção e finalização de curtas e longas-metragens produtoras independentes registradas na Ancine e sediadas em Minas Gerais há pelo menos 1 ano; já na categoria Arranjos Produtivos Locais, podem ser inscritas coproduções entre empresas sediadas em Minas Gerais há pelo menos 1 ano e produtoras de outros estados.

    Veja, a seguir, o detalhamento das categorias e valores disponibilizados pelo edital:

    Curta-metragem – ficção
    Número de projetos previstos: 3
    Recurso máximo por projeto: R$ 100 mil
    Total: R$ 300 mil

    Curta-metragem – animação
    Número de projetos previstos: 2
    Recurso máximo por projeto: R$ 100 mil
    Total: R$ 200 mil

    Longa-metragem – Ficção I
    Número de projetos previstos: 1
    Recurso máximo por projeto: R$ 2,65 milhões
    Total: R$ 2,65 milhões

    Longa-metragem – Ficção II
    Número de projetos previstos: 1
    Recurso máximo por projeto: R$ 2,65 milhões
    Total: R$ 2,65 milhões

    Longa-metragem – documentário
    Número de projetos previstos: 2
    Recurso máximo por projeto: R$ 1,375 milhão
    Total: R$ 2,75 milhões

    Longa-metragem – animação
    Número de projetos previstos: 1
    Recurso máximo por projeto: R$ 2,65 milhões
    Total: R$ 2,65 milhões

    Arranjos Produtivos Locais – Longa-metragem – animação
    Número de projetos previstos: 1
    Recurso máximo por projeto: R$ 2,65 milhões
    Total: R$ 2,65 milhões

    Arranjos Produtivos Locais – Longa-metragem – ficção
    Número de projetos previstos: 1
    Recurso máximo por projeto: R$ 2,65 milhões
    Total: R$ 2,65 milhões


    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.