Praça CEU terá Festival de Danças

A primeira mostra acontece no dia 26

da Redação - 16/04/2021

Abril é o Mês da Dança e a Praça CEU (Centro de Artes e Esportes Unificados Coronel “Adelmir Romualdo de Oliveira”) preparou uma programação especial, com curso de formação, entrevista com o bailarino e coreógrafo Marcelo Missailides, além de três mostras virtuais com bailarinos, escolas, coletivos, companhias e grupos de dança de Juiz de Fora. Para compor a programação, o equipamento urbano está recebendo inscrição gratuita de coreografias que deverão ser apresentadas no formato de vídeos.

“De 26 a 30 de abril, teremos uma programação diária, dedicada a celebrar a dança. O objetivo é valorizar o cenário artístico e a dança local, além de promover aproximação das companhias da cidade com as atendidas e os atendidos nas oficinas de dança oferecidas pela Praça CEU,” esclarece o coordenador-geral do espaço, André Noronha.

Ele conta que a primeira mostra acontece no dia 26, segunda-feira, reunindo trabalhos em qualquer modalidade da dança. Os vídeos poderão ser anteriores ao período de pandemia ou de produções realizadas nesse momento. A exibição será feita por meio do canal de YouTube da Praça CEU às 19h.

No Dia Internacional da Dança, 29 de abril, acontece a segunda mostra também aberta a todas as modalidades. Neste caso, a duração das coreografias deve ser de até um minuto, e as postagens acontecerão no formato de carrossel no Instagram @ceujf, com postagens durante todo o dia, os vídeos podem ser enviados por e-mail ceupjf@gmail.com ou pelo WhatsApp (99971-3231). Já a sexta-feira, 30, foi reservada para apresentações de danças urbanas (hip-hop, dança de rua e break), com vídeos gravados antes do isolamento social e exibição pelo Youtube.

Os vídeos para as mostras dos dias 26 e 30, que são voltadas para academias, grupos, coletivos e personagens da dança na cidade, devem ser enviados para o e-mail ceupjf@gmail.com ou no drive

Complementando a programação, a Praça CEU promove, no dia 27, uma edição do projeto “Chá das Sete”, no qual o reconhecido bailarino Marcelo Missailidis responderá sete perguntas sobre sua vivência na dança, com o objetivo de trocar experiências com o público. Para o dia 28, quarta-feira, foi organizado um curso de aperfeiçoamento, no formato de aula pública, que será transmitido pelo aplicativo Meet. Os profissionais convidados são Cecília Cherem e Douglas Viana.

“É inegável que a música e a dança são linguagens universais, e dançar faz bem para o corpo, para a alma e para nossa autoestima. Juiz de Fora possui uma gama de grandes artistas envolvidos com os mais variados estilos de dança, e a Funalfa fica muito feliz com essa parceria que promove nomes conhecidos, mas abre espaço para outros que queiram participar, principalmente neste momento pandêmico quando a força da arte se faz ainda mais imprescindível", destaca a gerente de Acesso à Cultura da fundação, Silvânia Santos.

A Praça CEU é mantida pela Prefeitura de Juiz de Fora, por meio da Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa), com gestão da Associação Cultural Arte e Vida (Acav). O equipamento cultural oferece uma série de oficinas culturais e esportivas gratuitas, atendendo pessoas de todas as faixas etárias. Durante a pandemia, os conteúdos e eventos são transmitidos em ambiente virtual.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.