• Assinantes
  • Autenticação
  • Cultura

    Calendário 2013 é lançado com 14 bordados que simbolizam a história cultural de JF

    Realizado pela Funalfa com um atelier, as imagens reproduzem pontos turísticos da cidade baseadas em obras do artista plástico Daniel Rodrigues

    Nathália Carvalho
    Repórter
    19/11/2012
    Calendário 2013

    A Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa) lança, nesta terça-feira, 20 de novembro, o exemplar de 2013 do Calendário temático da cidade. Com a iniciativa que ocorre há cerca de quatro anos, o objetivo é retratar temas que fazem referência à cultura e à memória da cidade. O lançamento ocorre às 20h, no Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM), juntamente com uma mostra dos trabalhos, que permanecerá aberta para visitação até o dia 9 de dezembro.

    O calendário do ano que vem leva o nome de Juiz de Fora de ponto a ponto, e reúne 14 bordados, incluindo todos os  meses do ano, capa e janeiro de 2014, que reproduzem construções históricas da cidade, como prédios, parques e praças. De acordo com a produtora do trabalho, Fernanda Lauro, os desenhos foram elaborados pelo artista plástico da Funalfa, Daniel Rodrigues, e reproduzidos em forma de bordados por alunas juiz-foranas do Atelier Ponto com Arte. "As bordadeiras realizaram os trabalhos a partir de um mesmo conjunto de desenhos para que todos tivessem a mesma estética, porém, com o trabalho de acrescentar pontos diferentes para oferecer originalidade", explica.

    Com tiragem de dez mil exemplares, o calendário terá distribuição dirigida para parceiros e interessados na obra. "Fizemos uma grande quantidade para que possamos presentear no Natal e também haverá distribuição no lançamento." Na exposição, serão mostrados os desenhos e bordados originais emoldurados.

    Retratos da cidade

    Segundo a orientadora dos trabalhos, a artista plástica Valéria Gouveia, foi necessário um grande esforço e sensibilidade na execução dos bordados. "Fizemos o projeto e fomos escolhidas para retratar a cidade no calendário a partir dos desenhos. Utilizamos mais de cem pontos de bordado rústico, trabalhados com a cor e forma das obras", conta. De acordo com a artista, foram dois meses e meio até a execução final, realizada por senhoras que são alunas do atelier e outras voluntárias. "O resultado demonstra que cada obra ficou diferente uma da outra, em um trabalho extremamente cuidadoso para que os juiz-foranos possam reconhecer os pontos turísticos retratados, mesmo que de maneira diferente."

    De acordo com o superintendente da Funalfa, Toninho Dutra, a proposta de retratar a cidade por meio de bordados surgiu a partir do curso ministrado pelas irmãs Sávia e Marilu Dumond, na programação comemorativa do Mês da Mulher, em maio. "O entusiasmo das mulheres que participaram da oficina era tão grande e contagiante que inspirou a proposta que agora se materializa, por meio de uma parceria entre a Funalfa e o Atelier Ponto com Arte", contou por meio de sua assessoria.

    Confira, abaixo, as obras apresentadas

    - Capa: Centro Cultural Dnar Rocha/Estação Mariano Procópio (CCDR) – bordado de Maria Auxiliadora Pereira Amadei;

    - Janeiro: Cine-Theatro Central – bordado de Margareth Costa Sousa;

    - Fevereiro: Morro do Cristo – bordado de Maria Carlota Melo de Paula;

    - Março: Ponte no Parque do Museu Mariano Procópio – bordado de Maria Izabel Fraga da Rocha;

    - Abril: Parque Halfeld, bordado de Lúcia Rosa Martins;

    - Maio: Paço Municipal – bordado de Maria de Jesus Ribeiro;

    - Junho: Parque da Lajinha – bordado de Denise Oliveira Santos;

    - Julho: Usina de Marmelos – bordado de Margareth Costa Sousa;

    - Agosto: Igreja Melquita – bordado de Maria Valéria Pinto Gouveia;

    - Setembro: Ponte sobre o Rio Paraibuna/Rua Halfeld – bordado de Heloisa Maria dos Prazeres;

    - Outubro: Relógio da Praça da Estação – bordado de Leila Francisco Santos Silva;

    - Novembro: Catedral Metropolitana de Juiz de Fora – bordado de Maria Valéria Pinto Gouveia;

    - Dezembro: Detalhe do Centro Cultural Bernardo Mascarenhas – bordado de Angélica Castello Branco Ribas;

    - Janeiro 2014: Fogos no Morro do Cristo – bordado de Lúcia Rosa Martin

    Os textos são revisados por Juliana França

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Recomendado

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.