• Assinantes
  • Autenticação
  • Direitos Humanos

    Segunda-feira, 17 de novembro de 2008, atualizada às 15 h

    Campanha quer garantir o registro civil de pessoas que ainda não possuem o documento



    Daniele Gruppi
    Repórter

    Começa nesta segunda-feira, dia 17 de novembro, o Movimento Nacional de Mobilização pelo Registro Civil de Nascimento, coordenado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O objetivo é garantir o registro civil a todas as pessoas que ainda não possuem o documento de identidade, inclusive adultos. A mobilização vai até o dia 17 de dezembro.

    Dados da Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH) apontam que 12,7% das crianças nascidas vivas não são registradas, o que representa 212.844 crianças sem certidão de nascimento. Quem não possui o registro, não consegue tirar o documento de identidade e outros documentos básicos.

    A dona de casa, Irene da Cunha Lima, 31, foi ao cartório no primeiro dia de campanha para fazer o registro da filha de 11 anos e tirar a segunda via da certidão de outra filha de 15. "A mais velha queria viajar e como não achei o documento, vim ao cartório para resolver essas duas questões."

    O oficial substituto de um cartório em Juiz de Fora, Frederico Moutinho Laguardia dos Santos afirma que o registro civil é a porta para a cidadania. É um serviço gratuito, assim como a primeira certidão. Os interessados podem procurar os cartórios de Registro Civil das 8h às 18h.

    Para realizar o registro, é necessário: declaração de nascido vivo; se os pais forem casados, certidão de casamento e identidade da pessoa que for pedir o registro; se não forem casados, carteira de identidade da mãe e do pai, sendo que só o pai poderá fazê-lo; se o pai não reconhece a paternidade, a mãe faz o registro e dá informações sobre o suposto pai. Os registros tardios (sub-registros) devem ser realizados no cartório de registro civil na área de residência do interessado.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.