• Assinantes
  • Autenticação
  • Direitos Humanos
    Sábado, 10 de novembro de 2018, atualizada às 11h40

    Campanha nas redes sociais pede doação de sangue para bebê em Juiz de Fora

    Da redação

    Uma campanha de solidariedade espalha-se pelas redes sociais com objetivo de doar sangue para Pedro Altomar Barbosa Ferraz, de oito meses. Diagnosticado com leucemia, o bebê está internado na UTI Neonatal do Hospital Albert Sabin.

    Os pais, Mari Altomar e Gema Ferraz solicitam que os interessados façam as doações a partir desta segunda-feira, 12 de novembro, no Hemocentro de Juiz de Fora, na Rua Barão de Cataguases, s/n. Centro. Os horários de funcionamento são de segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 18h, aos sábados, das 7h às 11h.

    Os interessados também podem fazer agendamento pelo site, ou pelo telefone 155, opção 1.

    Quem pode doar sangue?

    O procedimento para doação de sangue é simples, rápido e totalmente seguro. Não há riscos para o doador, porque nenhum material usado na coleta do sangue é reutilizado, o que elimina qualquer possibilidade de contaminação.

    Requisitos para doação de sangue

    • Ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos devem possuir consentimento formal do responsável legal);
    • Pesar no mínimo 50 kg;
    • Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação.
    • Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas;
    • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;
    • Apresentar documento de identificação com fotografia, emitido por órgão oficial. (Carteira de Identidade, Carteira Nacional de Habilitação, Carteira de Trabalho, Passaporte, Registro Nacional de Estrangeiro, Certificado de Reservista ou Carteira Profissional emitida por classe);
    • Para os menores de 18 anos, é necessário o consentimento dos responsáveis e, entre 60 e 69 anos, a pessoa só poderá doar se já o tiver feito antes dos 60 anos;
    • A frequência máxima é de quatro doações anuais para o homem e de três doações anuais para a mulher. O intervalo mínimo deve ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.

    Quanto tempo leva?

    A coleta do sangue é bem rápida: leva de 8 a 12 minutos. Mas o processo todo, para um doador agendado, dura cerca de uma hora, devido aos procedimentos necessários, anteriores à doação propriamente dita.

    Para doar, o candidato não pode estar em jejum. Se a doação de sangue for feita pela manhã, é preciso que o candidato à doação tenha se alimentado. Após o almoço ou ingestão de alimentos gordurosos, deve-se esperar três horas.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.