SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Com um cenário de juros altos e turbulência nas empresas listadas na B3, a renda fixa deve se consolidar como a opção principal de investimentos, segundo levantamento com clientes da XP.

Pesquisa da corretora com 10 mil usuários da plataforma aponta que 65% dos participantes vão apostar na compra de títulos da renda fixa para obter rendimentos ao longo do ano.

Fundos imobiliários (48%), ações da B3 (44%), Tesouro Direto (41%) e fundos em geral (35%) aparecem em seguida no ranking de preferências.

Ainda segundo a XP, no recorte por perfil, a renda fixa é considerada por 69% dos investidores conservadores, 66% dos moderados e 64% dos agressivos. Ganha também em todas as faixas etárias.