A importância da escuta ativa nos relacionamentos

por Luiz Roberto Martins de Oliveira - 03/03/2021

Caros leitores! Neste artigo falo sobre uma comunicação a qual deveríamos aprender a cada dia cujo objetivo é ouvir outras pessoas e suas necessidades de uma forma que haja um enriquecimento no relacionamento interpessoal. É sobre expressarmos nossas observações, emoções e até sentimentos como também estarmos atentos às expressões e emoções dos outros. Escutar com empatia não significa ficar em um silêncio absoluto, mas sim, estar presente inteiramente para a pessoa se expressar, proporcionando total liberdade para que ela se posicione. Muitas vezes alguns indivíduos sobrepõem a fala do outro como se estivesse atropelando o raciocínio alheio, fazendo uma interrupção na conexão, ocasionando desentendimento e frustração.

É muito comum, no meio de uma conversa em que seu amigo(a) ou companheiro(a) está confiando em você e desabafando, sermos tentados a aconselhar, interromper, educar dizendo que tal situação é um aprendizado etc. Isso não é bom, pois ele(a) está querendo ser livre para abrir o coração e quer apenas ser ouvido de verdade. O que devemos aprender, é ter uma escuta ativa como ferramenta para melhorar os relacionamentos, é ser generoso, é demonstrar interesse verdadeiro pelo assunto exposto. Quero lembrar que ouvir com atenção demonstra interesse e não significa que você é obrigado a concordar com o ponto de vista da outra pessoa, e sim respeitar de maneira cuidadosa. Aperfeiçoar a escuta ativa, ajuda a minimizar conflitos e isso é fundamental.

É muito bom saber que precisamos ser ouvidos de maneira tranquila, pois o ser humano precisa ouvir uns aos outros e se ajudarem nos momentos significativos. Que fique bem claro também que não estou aqui dizendo que devemos nos abrir para qualquer pessoa, porém, para aquelas em que confiamos e sabemos que guardarão segredos e se preocupam em manter a ética.

Se alguém está confiando em você para ter um bom papo, evite distrair-se no meio da conversa, pergunte a ela mais detalhes do assunto, pois isso demonstra interesse. Colocar-se no lugar do outro é de suma importância, isso ajudará a entender os conflitos alheios, pois a visão de mundo e a percepção das coisas que você tem, diferem de pessoa para a pessoa. Cada indivíduo traz em suas vivências, marcas, cultura familiar, criação etc. Desenvolva, portanto, a escuta ativa e enriqueça seus relacionamentos. Seja uma pessoa confiável, você só tem a ganhar.

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.