• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação
    Elizabeth Soares Elizabeth Soares 23/4/2010

    Como preparar nossos jovens para o mercado de trabalho: desafios de uma boa educação

    pessoas usando o PC com um professor orientandoRecentemente, fui convidada por um colégio para conversar com pais de alunos do ensino médio sobre os desafios da educação que prepara os jovens para o futuro profissional. Qual é o perfil exigido pelo mercado de trabalho atual? Com base nessas exigências, qual seria o processo de educação mais adequado?

    No curto prazo, a primeira missão do colégio é preparar nossos filhos para conseguir uma vaga nas tão concorridas universidades federais. Entretanto, de forma mais ampla, o colégio deve ser o laboratório que incentiva nossos jovens a experimentarem características que são desejadas e exigidas no mercado de trabalho atual e futuro. De que adianta um jovem fazer o curso superior de forma muito focada em notas e resultados individuais se ele precisará entrar e se manter no mercado de trabalho onde muitas características diferentes serão fundamentais?

    Uma pesquisa feita com 63 presidentes e consultores de grandes empresas foi divulgada em dezembro de 2009 pela revista de carreira Você S/A e indicou diversas tendências a respeito das empresas e posturas profissionais. Dentre elas, destaco:

  • A era dos nativos digitais: Os jovens da chamada geração Y (nascidos após 1980) simbolizam a velocidade digital necessária para a busca de soluções dos negócios modernos. Estamos incentivando em nossos jovens está visão em relação à tecnologia?

  • Foco no aprendizado: Grandes líderes se queixam que os jovens precisam ter humildade para adquirir experiência e isto demanda tempo, habilidade para ouvir, cometer erros e disposição para corrigi-los. Uma geração muito acelerada para usar a tecnologia não percebe que implantar mudanças numa equipe, por exemplo, não é algo que ocorre na mesma velocidade da transmissão de dados. Jovens no comando tendem a gerar conflitos de relacionamento. Nossos jovens estão sendo incentivados no processo educativo a trabalhar em equipe?

  • Autoconhecimento é fundamental: Vivemos numa sociedade muito focada no TER ao invés do SER. O resultado disso? Ao participar de uma entrevista de emprego, o entrevistador não perguntará “o que você tem?”, pelo contrário, ele fará perguntas do tipo “que pontos fortes você possui que podem colaborar com a nossa empresa?” ou “que fraquezas você possui que precisará trabalhar para se dar bem no relacionamento com os clientes?”. Nossos jovens estão recebendo estímulos para questionarem de forma crítica a super valorização do consumismo?

  • Pense verde: As empresas querem profissionais que busquem soluções cada vez mais ecologicamente corretas. As decisões de hoje impactam cada vez mais no meio ambiente e podem gerar multas ambientais muito elevadas, sem contar na imagem de responsabilidade social da empresa transmitida pela mídia. Estamos verificando no processo educacional ações que gerem esta consciência nos alunos?
  •  

    Muito mais do que CONHECIMENTO, os colégios precisam criar oportunidades para que seus alunos desenvolvam ATITUDES. O mercado de trabalho quer pessoas com postura adequada ao cargo a que se candidatam. Esta é a grande queixa: as pessoas têm currículo com bagagem de formação teórica, mas falta postura, atitude e proatividade. Nossos jovens talvez não estejam sendo estimulados a fazer a correlação “vida cotidiana no colégio” x “vida futura no mercado de trabalho”. Fica o desafio para colégios, educadores e pais. Esta é uma ação conjunta. Toda mudança implantada impactará positivamente no mercado de trabalho e as empresas agradecem.



    Elizabeth Soares
    Psicóloga e Coach-executiva 

    A Melhor Internet Está Aqui

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.