Quinta-feira, 04 de outubro de 2007, atualizada às 17h20

Mini-curso mais procurado em IV Encontro de psicologia discute o suicídio


Marinella Souza
*Colaboração

O IV Encontro Juizforano de Psicologia (ENJUPSI), que acontece em Juiz de Fora, desde o dia 02 de outubro, tem como tema "Fundamentos e novas perspectivas: da prática à formação profissional". O objetivo é contribuir para a excelência da formação acadêmica, através de palestras, mini-cursos, mostras de vídeos e apresentação de trabalhos.

O mini-curso mais procurado, acontece nos dias 04 e 05 de outubro e trata de um assunto polêmico: a prática do suicídio. À frente do projeto "Intervenções em pacientes suicidas" estão o tenente bombeiro Kleber Castro e a psicóloga Paula Almeida de Oliveira. O tenente está encarregado do primeiro módulo, que trata da tentativa de suicídio, ou seja, vai fazer uma análise histórica, psicologia e religiosa dessa prática, bem como tentará traçar um perfil do suicida.

No último dia do circuito de palestras, Paula vai falar aos alunos sobre a ideação, isto é, o planejamento. A psicóloga vai se dedicar a uma abordagem do atendimento no consultório. Segundo ela, "não há como falar em sintomas gerais que identifiquem um suicida. É preciso conhecer o paciente a fundo para identificar um suicida em potencial".

Ainda de acordo com a psicóloga o mais importante é prestar atenção ao discurso do paciente, perceber se ele enxerga a morte como uma forma de libertação, para tratá-lo com o cuidado que merece.

*Marinella Souza é estudante de Comunicação Social da UFJF

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.