• Assinantes
  • Autenticação
  • Educação

    Segunda-feira, 14 de abril de 2008, dia 05 de setembro, às 16h52

    Ensino de música será obrigatório nas escolas públicas. Presidente Lula já sancionou o projeto



    Marinella Souza*
    *Colaboração

    As escolas públicas vão precisar ministrar aulas de música em sua grade obrigatória. O projeto é uma iniciativa dos artistas e foi sancionado pelo presidente Lula. O objetivo é enriquecer a vida da criança, incutindo nela o amor à pátria, reforçando suas identidade e auto-estima.

    Em Juiz de Fora, a iniciativa é bem vista, mas é preciso ter ressalvas. Segundo o professor de uma das escolas de música da cidade, Néri Rodrigues Contim, é preciso ter muito cuidado com essa disciplina. "É claro que seria excelente que as escolas voltassem a ensinar música, mas é preciso que o Estado esteja devidamente preparado para isso para que o resultado seja positivo". Contim acredita que é necessário um preparo pedagógico e de conteúdo para que o projeto funcione.

    "Tem que ver se vai valer a pena investir tempo, dinheiro e energia nesse projeto. Para dar certo de verdade, tem que dar uma base sólida, tem que ter respaldo sério senão vira recreação e o esforço é em vão". Ministrando aulas em outra escola, o professor Léo Simas é mais otimista em relação ao projeto. "Eu sempre incentivei trabalhos como esse, porque a música abre a mente para outras questões", diz.

    Para Léo, tornar o ensino obrigatório só vai acrescentar aspectos positivos para as crianças. "Já existem estudos que apontam os benefícios da música no desempenho das disciplinas que exigem mais raciocínio como a matemática", comenta. Além disso, o professor vê o conhecimento trazido pela teoria musical e o fato de ser um trabalho em equipe como pontos positivos do ensino. Segundo ele, o ideal para o ensino básico de música é que a escola tenha um piano e um violão. "Esses instrumentos têm o poder de reunir as pessoas em volta e são muito importantes para o início do aprendizado", justifica.

    O projeto já está na Comissão de Educação da Câmara dos Deputados e altera a lei de diretrizes e bases da educação, relacionando o ensino de música à disciplina de artes.

    Marinella Souza é estudante de Comunicação Social na UFJF

    Conheça nossos planos e serviços

    (32) 2101-2000

    A melhor internet está aqui!

    Conteúdo Publicitário

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.