Juiz de Fora - MG

Quinta-feira, 4 de novembro de 2010, atualizada às 13h46

Dilma vence entre presos juizforanos, com 87,85% dos votos válidos

Clecius Campos
Repórter

A presidente eleita Dilma Rousseff (PT) venceu as eleições por esmagadora maioria de votos entre os presos provisórios e adolescentes que cumprem medidas socioeducativas em Juiz de Fora. A petista obteve 87,85% dos 107 votos válidos contra 12,15% do adversário no segundo turno José Serra (PSDB). De acordo com o cientista político Rubem Barboza, é difícil analisar os dados sem um estudo sobre a população que vive encarcerada.

"O que pode ser feita é a suposição de que a maioria dos presos seria pobre. Pela distribuição dos votos estimada nas pesquisas, os eleitores que vivem em famílias com renda de até dois salários mínimos votariam massivamente em Dilma. Outra ideia é de que os levantamentos mostravam que as pessoas com menos escolaridade também elegeriam Dilma. Mas não é possível fazer uma correlação imediata. Outros fatores podem ter motivado a escolha pela petista." O alto índice de aprovação do atual governo nas classes mais pobres e entre pessoas de baixa escolaridade também pode ter dado votos à Dilma.

No total, 123 encarcerados votaram no segundo turno. No Centro Socioeducativo, 14 adolescentes foram às urnas no segundo turno. Onze deles (78,57%) escolheram Dilma, um (7,14%) votou em Serra e dois (14,28%) anularam seus votos. No Centro de Remanejamento do Sistema Prisional de Juiz de Fora (Ceresp), 88 presos provisórios compareceram ao sufrágio. A divisão dos votos foi de 67 (76,14%) para Dilma, oito (9,09%) para Serra e 13 (14,77%) brancos e nulos. Na Penitenciária Ariosvaldo Campos Pires, 21 presas votaram. Dilma recebeu 16 votos (79,19%), Serra, 4 (19,04%) e um voto (4,76%) foi anulado. Na cidade, 360 presos provisórios e adolescentes cumprindo medidas socioeducativas estavam cadastrados para votar. No primeiro turno, 152 votos foram registrados nas três unidades.

Vitória mais fácil nas regiões Norte, Noroeste, Leste e Nordeste

Em Juiz de Fora, Dilma venceu em todas as zonas eleitorais. Ela teve vitórias mais fáceis nas regiões Norte, Noroeste, Leste e Nordeste (ver mapas). Na Zona 153, que abrange bairros das regiões Norte e Noroeste, a petista venceu com 75,42% dos votos válidos, contra 24,58% de Serra. Já na zona 315, cujas seções são localizadas em bairros das regiões Leste e Nordeste, Dilma obteve 74,1% dos votos e Serra, 25,9%. O candidato tucano não chegou a ter 40% em nenhuma das zonas eleitorais. O mais próximo que chegou foi na região Centro-Sul, em que conseguiu a preferência de 39,73% dos eleitores. Na região Centro-Oeste, Serra teve seu segundo melhor desempenho, obtendo 38,76% dos votos.

Resultado por zona eleitoral em Juiz de Fora*
Zona EleitoralRegião de abrangênciaDilma (PT)Serra (PSDB)Total de votos válidos
152 Centro-sul 60,27% (27.431) 39,73% (18.083) 45.514
153 Norte/Noroeste 75,42% (38.851) 24,58% (12.665) 51.516
154 Centro-leste 70,43% (29.445) 29,57% (12.364) 41.809
155 Centro-oeste 61,24% (23.141) 38,76% (14.646) 37.787
315 Leste/Nordeste 74,1% (35.743) 25,9% (12.495) 48.238
349 Sul 69,2% (34.699) 30,8% (15.444) 50.143

*Os percentuais são referentes aos votos válidos

Fonte: Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG)

Os textos são revisados por Thaísa Hosken

Conteúdo Recomendado

Comentários

Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.