SÃO PAULO, SP, (UOL-FOLHAPRESS) - A Forbes divulgou recentemente uma lista contendo os sete atletas jovens mais bem pagos do mundo. O ranking, que é liderado por Josh Allen, quarterback do Buffalo Bills, da NFL, também conta com nomes como Mbappé, atacante do PSG, e Max Verstappen, piloto de Fórmula 1 da Red Bull.

Para fazer o ranking, a Forbes considerou atletas com 25 anos ou menos e os valores recebidos, dentro do esporte ou por outros meios, durante maio de 2021 e o mesmo mês em 2022.

1 - Josh Allen

Quarterback do Buffalo Bills, que joga a NFL, Allen recebeu 67 milhões de dólares no período avaliado. Destes, 64 milhões foram garantidos na sua extensão de contrato com seu time no futebol americano.

2 - Naomi Osaka

A tenista japonesa tem um cenário completamente oposto ao líder do ranking. Isso porque, dos 59 milhões de dólares faturados por ela, 58 milhões vieram por meio de ações de patrocínio ou outros meios não ligados ao tênis. A modalidade rendeu apenas 1,2 milhão à atleta.

3 - Max Verstappen

O atual campeão da Fórmula 1 faturou 48 milhões de dólares no período avaliado pela revista. Destes, 46 milhões foram conquistados dentro das pistas que o consagraram como o grande vencedor da última temporada.

4 - Kylian Mbappé

Antes de assinar sua renovação de contrato milionária com o PSG, o atacante já havia faturado 43 milhões de dólares. Desta quantia, 15 milhões chegaram aos bolsos do francês por meio de ações de patrocínio com a Nike e a EA Sports, por exemplo.

5 - Marshon Lattimore

O jogador de defesa do New Orleans Saints, que joga a NFL, lucrou 40,9 milhões de dólares no período considerado pela Forbes. Em setembro, o cornerback assinou uma extensão contratual que vai lhe render 97,6 milhões.

6 - Devin Booker

A estrela do Phoenix Suns, da NBA, faturou 39,9 milhões entre maio do último ano e o mesmo mês de 2022. Os valores foram garantidos mesmo com a queda da equipe nos playoffs ao longo da temporada passada. Fora das quadras, o atleta tem acordos com a fornecedora de materiais esportivos Nike, por exemplo.

7 - Jake Paul

Próximo adversário de Anderson Silva, o lutador e youtuber embolsou 38 milhões de dólares. Desta quantia, boa parte foi conquistada em duas lutas contra Tyron Woodley.