SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Thiago Silva foi o escolhido pela seleção brasileira para dar entrevista coletiva desta quarta-feira (23), véspera da estreia do time na Copa do Mundo contra a Sérvia. O zagueiro estará ao lado de Tite no evento que a Fifa sempre organiza um dia antes de a bola rolar.

Normalmente, quem está ao lado do treinador é o capitão, mas este não é o caso dessa vez. Apesar de ser uma tradição, colocar o dono da faixa ao lado do técnico não é uma obrigação prevista em regulamento.

A CBF prefere não revelar se Thiago Silva terá esse cargo amanhã, mas o zagueiro é um dos mais cotados por Tite e pela sua comissão para tal função. Casemiro corre por fora, com Daniel Alves sendo um dos líderes do time, mas com lugar apenas no banco de reservas.

Até agora, além de esconder quem vai ser o capitão, a seleção brasileira também não revela quem vai ser o time titular. O técnico mudou a estratégia em relação à Copa do Mundo passada e não confirma os 11 que iniciarão o jogo.

Em relação ao último Mundial, Tite confirmou não só quem faria a estreia, assim como também deixou público os titulares de cada partida da primeira fase.

Amanhã, depois de dar entrevista, o Brasil volta a treinar pela última vez antes do primeiro jogo. A imprensa só poderá acompanhar a 15 minutos da atividade. Hoje (22), o treino foi 100% fechado para a presença de jornalistas.