SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Há um reencontro marcado entre Neymar, Sérvia e um árbitro na próxima quinta-feira (24). É que o primeiro jogo do Brasil na Copa do Mundo 2022 será apitado pelo iraniano Alireza Faghani. A Fifa resolveu juntar os personagens que atuaram no jogo entre os dois países quatro anos atrás, na Copa da Rússia. Naquele jogo, Neymar recebeu uma falta e saiu rolando no gramado em uma cena que rendeu uma enxurrada de memes.

O carrinho de Adem Ljajic interrompeu um ataque do Brasil pela esquerda e atingiu Neymar próximo à linha lateral. O jogador perdeu o equilíbrio, caiu com o quadril no chão e rolou quatro vezes, em uma velocidade relativamente alta.

O árbitro Alireza Faghani mostrou cartão amarelo a Ljajic. A falta foi inquestionável. A questão é que a cena acabou ilustrando várias provocações feitas a Neymar pelas reações quando sofria faltas ao longo do Mundial.

Em um dos memes, Neymar rolando era o substituto da bola e "conduzido" em velocidade por Mbappé, que acabou campeão da Copa do Mundo com a França na Rússia. Neymar, por sua vez, passou por uma crise de imagem e foi chamado de "cai-cai".

Naquele jogo contra a Sérvia, Neymar já estava pendurado por conta de um cartão recebido na partida anterior, contra a Costa Rica. Como não se envolveu em discussões com o árbitro iraniano, não levou cartão e participou do jogo seguinte, diante do México.

Árbitro do ouro olímpico em 2016, Alireza Faghani apitou um amistoso recente do Brasil, contra o Japão. Ele foi permissivo com algumas faltas dos japoneses durante a partida. A seleção de Tite venceu por 1 a 0.

Brasil e Sérvia se enfrentam quinta-feira (24), às 16h (de Brasília), no estádio Lusail.

*

Arbitragem de Brasil x Sérvia

Árbitro: Alireza Faghani (Irã)

Assistente 1: Mohammadreza Mansouri (Irã)

Assistente 2: Mohammadreza Abolfazli (Irã)

Quarto árbitro: Maguette N'Diaye (Senegal)

VAR: Abdulla Al-Marri (Qatar)

Assistente do VAR: Muhammad Bin Jahari (Singapura)