SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Guillermo Ochoa, de 37 anos, é ídolo da seleção mexicana e no Qatar disputa a quinta Copa do Mundo de sua carreira. O que pouca gente sabe é que o goleiro é celebridade no país e já frequentou bastante as revistas e os sites de fofoca.

O goleiro, que aos 19 anos já era titular do América, o clube mais popular do futebol mexicano, ganhou a fama de galã por causa da novela "Rebelde", um sucesso global que foi exibido pelo SBT no Brasil e ganhou uma versão brasileira na Record.

Entre 2005 e 2006, bem no auge da trama, o goleiro teve um relacionamento com a atriz e cantora Dulce María, uma das protagonistas da história produzida pela Televisa.

O namoro, que durou apenas alguns meses, acabou depois de boatos de traição. Ainda assim, o envolvimento com Dulce María foi suficiente para lançar Ochoa ao estrelato. Em pouco tempo, ele se transformou em um ídolo teen e passou a estampar capas de revistas femininas.

Ochoa tem 133 jogos pela seleção mexicana e entrou para um grupo seleto de jogadores com cinco Copas do Mundo. Em clubes, no entanto, o goleiro não repete o mesmo sucesso: ao longo da carreira, passou por Ajaccio (FRA), Málaga (ESP), Granada (ESP) e Standar Liège (BEL) na Europa, mas só conseguiu destaque no América, onde foi revelado e joga atualmente.