SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Equador venceu o Qatar por 2 a 0 no domingo (20), na partida de abertura da Copa do Mundo. Um dia depois, a Holanda bateu o Senegal com o mesmo placar. Agora, a seleção europeia e a equipe sul-americana se enfrentam nesta sexta-feira (25), às 13h (de Brasília), no Khalifa, de olho na liderança do Grupo A.

Apesar de ter saído com a vitória, a Holanda teve dificuldades na estreia, abrindo o placar somente nos minutos finais da partida. Ao jornal holandês NOS, o técnico Louis Van Gaal reconheceu o desempenho aquém do esperado.

?Achei que não jogamos bem. Demos a eles a oportunidade de fazer um gol depois de perder a bola, para que se tornassem perigosos nos contra-ataques. Se fôssemos compactos e econômicos com a bola, eles realmente não teriam chance?, afirmou o técnico.

Van Gaal também elogiou o desempenho do atacante Memphis Depay, do Barcelona, que entrou na segunda etapa. O jogador se recuperava de lesão muscular na perna esquerda, e foi poupado no início do confronto. Nesta sexta, ele deve estar entre os 11 iniciais.

A seleção holandesa deve entrar em campo com: Noppert, Aké, Timbers e Van Dijk; Dumfries, Blind, Koopermeirs, De Jong e Gakpo; Memphis Depay e Bergwijn. 

O Equador, por sua vez, se destacou ao ser o primeiro time a vencer uma seleção anfitriã na primeira rodada na Copa do Mundo. No entanto, a seleção tem preocupações para a escalação.

O autor dos gols da vitória, Enner Valencia, deixou o campo com dores no joelho, e passa por exames para definir a continuidade na competição.

Nesta quinta-feira (24), o técnico Gustavo Alfaro assumiu a preocupação com o jogador, e previu uma partida difícil para a seleção equatoriana. "Temos que ser fortes em todas as frentes, emocionalmente e fisicamente, e sermos duros com eles até que saiam do campo. O que fizemos contra o Qatar não será suficiente contra a Holanda ou contra o Senegal. Temos que melhorar", afirmou.

Uma possível escalação do Equador para a partida desta sexta-feira tem: Galíndez, Preciado, Torres, Hincapé e Estupiñan; Plata, Méndez, Caicedo e Ibarra; Michael Estrada (Samiento) e Kevin Rodríguez (Valencia).

Estádio: Khalifa, em Doha (Qatar)

Horário: Às 13h (de Brasília) desta sexta-feira (25)

Árbitro: Mustapha Ghorbal (Argélia)

VAR: Shaun Evans (Austrália)

Transmissão: Globo, SporTV, Globoplay e Fifa+