• Assinantes
  • Autenticação
  • Campeonato Mineiro
    Segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010, atualizada às 10h

    Tupi joga bem, mas não consegue bater o Atlético no Mineirão

    Pablo Cordeiro
    *Colaboração

    Na tarde do último domingo, 31 de janeiro, o Tupi foi ao Mineirão enfrentar o Atlético, em partida pela segunda rodada do Campeonato Mineiro. Embora tenha feito boa apresentação, o Carijó de Juiz de Fora não conseguiu superar o passe de bola do Galo de Belo Horizonte. O placar final foi de 3 a 2, com Robson e Ademilson marcando para o Alvinegro de Leonardo Condé e Diego Tardelli, Coelho e Muriqui para o time comandado por Vanderlei Luxemburgo. O próximo adversário do Tupi será a Caldense, no sábado, 6 de fevereiro, às 16h, no Estádio Radialista Mário Helênio. O Atlético enfrenta o Ipatinga, no domingo, 7, às 17h, no Mineirão.

    Com ótima marcação, o Tupi começou bem a partida, assustando o goleiro Carini aos 8 minutos do primeiro tempo com falta batida pelo atacante Ademilson. Aos 11, foi o goleiro Eládio quem garantiu segurança do Tupi, evitando que a bola entrasse após falta cobrada. Aos 27 minutos, após cobrança de escanteio, o zagueiro Fabrício desviou e Robson cabeceou no canto esquerdo de Carini. Com o placar favorável, o Tupi esteve mais confiante, porém, aos 41 minutos, um pênalti cometido por Assis e cobrado por Tardelli igualou o placar no Mineirão.

    No começo da segunda etapa, o técnico Leonardo Condé colocou toda a equipe para o aquecimento, mas só fez substituições após os 20 minutos. Logo no primeiro minuto do retorno, Eládio machucou o tornozelo esquerdo em disputa de bola com Muriqui e precisou ser atendido. Aos 18, em falta cobrada por Coelho, o Galo conseguiu a virada. Com atitude mais defensiva, o Tupi só trouxe perigo a Carini aos 22, em chute de Henrique. Três minutos depois, em contra-ataque, a dobradinha entre Robson e Ademilson rendeu o segundo gol do Carijó. Depois da batida do primeiro e defesa de Carini, Ademilson pegou a sobra e colocou a bola no fundo da rede. O empate durou pouco, pois um minuto depois, Muriqui recebeu cruzamento e, de coxa, marcou o terceiro gol para o Atlético.    

    Atlético 3 x 2 Tupi
    Local: Mineirão
    Domingo - 31/01
    Árbitro: Renato Cardoso Conceição(CBF/FMF)
    Público: 18.968
    Renda: R$ 271.915,00

    Gols: Robson e Ademilson (Tupi); Tardelli, Coelho e Muriqui (Atlético).

    Escalação
    Atlético: 1-Carini, 2-Coelho, 3-Werley, 4-Jairo campos, 5-Correa, 6-Leandro, 7-Muriqui (13-Júnior, aos 35’2T), 8-Fabiano (18-Marques, aos 20’2T), 9-Diego Tardelli, 10-Evandro (16-Renan Oliveira, aos 20’2T) e 11-Ricardinho. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

    Tupi: 1-Eládio, 2-Henrique (14-Marco Aurélio, aos 31’2T), 3-Riso, 4-Fabrício Soares, 5-Marcelinho, 6-Michel, 7-Léo Salino, 8-Assis, 9-Ademilson, 10-Róbson (18-Yan, aos 28’2T) e 11-Sammuel (17-Cézar, aos 20’2T). Técnico: Leonardo Condé.

    Cartões amarelos:
    Tupi: 03, 07, 08 e 09.

    *Pablo Cordeiro é estudante do 9º período de Comunicação Social da UFJF

    Os textos são revisados por Madalena Fernandes

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.