• Assinantes
  • Esporte

    Sexta-feira, 17 de abril de 2009, atualizada às 17h30

    Reinício das obras do Ginásio Municipal está prevista para segunda semana de maio

    Clecius Campos
    Repórter

    Uma emenda à medida provisória do governo federal que renegocia a dívida dos municípios com o INSS pode permitir o reinício das obras de construção do Ginásio Municipal de Juiz de Fora. A proposta será votada na Câmara dos Deputados, em Brasília, no próximo dia 22 de abril. De acordo com o secretário municipal de Esporte e Lazer, Renato Miranda, a previsão é de que a construção recomece na segunda semana de maio.

    Segundo o secretário, assim que iniciar o pagamento da dívida de R$ 3,2 milhões com a Receita Federal, a Prefeitura poderá solicitar a liberação da verba de R$ 7,5 milhões retida na Caixa Econômica Federal. Ficou a cargo da administração municipal o investimento de R$ 2,5 milhões. "Conseguimos do Ministério do Esporte a redução da contrapartida, que era de R$ 5 milhões, e o pagamento da diferença."

    Na última quarta-feira, dia 15 de abril, Miranda reuniu-se com o secretário de Obras, Jefferson Rodrigues Júnior, a fim de discutir sobre o organograma e detalhes da obra. "Como o projeto inicial é de um ginásio para seis mil pessoas que deve atender a eventos internacionais, existem uma série de normas técnicas que devemos seguir." Miranda espera inaugurar o equipamento em junho de 2010.

    Começando do zero

    De acordo com a assessoria de comunicação da Prefeitura, a obra do Ginásio Municipal está em fase inicial. Apenas a preparação do terreno e o trabalho de terraplanagem foram executados. O equipamento será construído ao lado do Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, na zona oeste da cidade.

    O melhor provedor de internet de
    Juiz de Fora

    ACESSA.com

    Banda larga na sua casa a partir de R$29,90

    Conheça nossos planos

    (32) 2101-2000

    Envie Sua Notícia

    Se você possui sugestões de pauta, flagrou algum fato curioso ou irregular, envie-nos um WhatsApp

    +55 32 99915-7720

    Comentários

    Ao postar comentários o internauta concorda com os termos de uso e responsabilidade do site.